quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Espaço aberto para criticas e todo o género



Este espaço fica para discussões de todo o tipo, sobre a nossa freguesia e não só.

192 Comments:

Anónimo said...

do lado direito devem meter ao vosso critério alguns blogues interessantes

Anónimo said...

GOSTAVA DE SABER, SE ALGUÉM TEM CONHECIMENTO COMO FICOU O CASO DO AMADEU PARDELHO DAS FACTURAS FALSAS.
PARECE QUE O JULGAMENTO ERA PARA SER A SEMANA PASSADA.
É UM CASO QUE IRÁ DAR MUITO QUE FALAR.

S.J.R. said...

Senhor anónimo, "29 de Outubro de 2009 23:16" , tem razão eu tenho alguns que irei colocar mas o tempo não dá para tudo quem tiver é só colocar aqui que eu colocarei lá.

S.J.R.

Anónimo said...

S.J.R. Obrigado pela resposta dos Blogues.
Eu não tenho blogue porque não percebo mt de técnologia, no entanto julgo ser de mta importância haver ligações entre blogues, só assim conseguimos partilhar ideias e ao mesmo tempo nunca nenhum blogue cai em esquecimento.
Que lhe parece?
Seja você a escolher e colocar, tente meter locais e de outras cuturas.
Obrigado.

Já agora força para Ajude e que ganhe o melhor, os Ajudenses sabem quem são.

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! said...

Vejam os 22 comentários que gerou este título:

(Número de beneficiários do "Rendimento Mínimo" subiu 15,3 % num ano)

- não há controle!?

rendimento mínimo é só para os mamões que não querem trabalhar, refiro a uma grande percentagem.

quero esclarecer 1 coisa a quem não lhe passou pela cabeça!

existe pessoas que, com o suor do seu corpo fizeram uma casa.

agora não podem trabalhar por motivos de doença.

as casas não dão de comer, mas sim de dormir!

a estas pessoas é bem que as ajudem, pois já descontaram para a Segurança Social.

a quem nunca trabalhou e teem saúde, deveriam lhe arranjar trabalho, para os não desprezar...


...Já agora se me permitem, apelo aos Ajudenses que, façam pela vida, Ajude precisa de Sangue novo e mais dinamismo.
Um abraço para Ajude, para os candidatos, e, em especial para o Paulo e para a Laurinda e filhotes.
Bem Hajam.
Abraço.

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor!

Anónimo said...

Dêem uma oportunidade a Ajude!

VISITE:
Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor!

Braga vs Benfica said...

Logo: Braga vs Benfica

Sou Vermelho, vermelhinho!
Vermelho e branco!
Sou Benfiquista por opção!
Sou Bracarense por natureza!
Ganhe o que ganhar, fico triste pelo que perder...
Seria melhor um empate, digo eu.
No entanto gostaria que o Braga fosse Campeão nacional, e, que este resultado, seja ele qual for, não faça falta para a classificação final.

Quelhas

Anónimo said...

Finalmente...
José Paulo de Castro Macedo, já é PRESIDENTE DE JUNTA DA FREGUESIA DE SÃO JOÃO DE REI.
Estou totalmente agradecido. Obrigado MEU DEUS, que depois de uma semana de luta e de vigarices, finalmente temos homem no PUDER.

O Kikas said...

Depois de tanto tempo distante, hoje tenho que me manifestar.
É com grande satisfação que felicito todos os elementos que constituem esta lista honesta e humilde, que hoje se condecoraram com o denomino de " Junta de Freguesia de São João de Rei". Orgulho-me em ser um cidadão de São João de Rei e de ter contribuido para que finalmente, alguém digno exerça o cargo de Presidente. Hoje foi mais um dia super importante para estes amigos, pois foi hoje que estes se viram comprometer perante a Lei, exercer o cargo que todos nós lhes atribuimos. Para vocês (Junta) quero deixar votos de agradecimentos e que exerçam sem medo esta missão. Todos nós contamos com esta equipa exemplar. Quem viu hoje, sentiu diferença, ao deparar-se com o formalismo exercido pelo nosso PRESIDENTE. Que diferença!!!!!!

Anónimo said...

Não é muito estranho haver reeleição no dia 1 de Novembro em Ajude?

Será que os candidatos contam com algum voto de pessoas da freguesia a morar fora, e que venham ao cemitério à campa de um anti-querido, e vá votar, isto no caso de ainda estar recenseado na freguesia de Ajude?

Hoje é da dos fiéis defuntos, não deveriam os povoenses respeitar os mortos, já que não respeitam os vivos?

José Abílio L. Marques said...

Serão, Cavaco Silva, presidente da Républica Portuguesa, José Sócrates, primeiro ministro de Portugal e Manuel Baptista presidente da Câmara de Póvoa de Lanhoso, mais ditadores do que foi, António Salazar?!

Batalha de La Lys? said...

LusoJornal

Entrevista por Carlos Pereira:

Porque decidiu fazer um (filme - documento) sobre a Batalha de La Lys?

Quelhas: Em primeiro lugar porque gosto imenso de escrever.
Em segundo porque gosto de explorar artigos, quando eles me dizem algo e me tocam, e sobretudo quando eles me despertam interesse.

Carlos Pereira: O que é que descobriu do seu avô, e porque diz que ele o fascina?

Quelhas: Como disse na alínea anterior, o artigo da Batalha de La Lys, faz parte de um fascínio que me toca, pois faz parte dela o meu Avô que, viveu toda a vida comigo, apenas em grandes fotografias.
Sempre e desde criança, interrogava os meus Pais, Tios e Primos, assim como Vizinhos, pessoas com idades mais avançadas.

Carlos Pereira: Como recolheu todas as informações sobre o (filme - documento)?

Quelhas: Felizmente como grande prova, tenho as fotos de meu Avô, que toda a vida estivera exposta no quarto de meus Pais.
As pessoas a quem me deram toda a informação, (estão descritas no conteúdo da narração) a informação não são muita!
O principal da história, sim!
Porque não estou a relatar a Guerra Mundial, mas sim, o meu Avô na Guerra Mundial e sua vida aparentemente ligada ao estado antes e pós Salazar.
É evidente que pesquisei dados sobre o assunto, para concluir com sucesso a história da Batalha de La Lys em partilha com meu Avô, antes e depois das datas referentes 1914 a 1918 - Soldado 1915/17 Sargento 1917/23.

Carlos Pereira: Que reacções têm tido os espectadores?

Quelhas: Estou feliz pelo sucesso da história, foi publicada em três jornais, onde sou colaborador assíduo, Gazeta Lusófona, Fri-luso e Lusitano de Zurique.
Para além destes coloquei em Blogues como Links principais, tem tido o maior sucesso, e o autor tem tido muito respeito sobre o tema em questão.

Carlos Pereira: Sobre si: Quem é o João Gonçalves, onde nasceu, onde vive, o que faz, o que fez, quantos livros já editou…

Quelhas: Sou, autor/poeta/escritor/jornalista das comunidades portuguesas na Suíça…

Batalha de La Lys? said...

Apresentação

Olá, para os amigos foi sempre o “Quelhas”, herdei-o do meu avô, Joaquim Gonçalves, “Sargento Quelhas” na guerra mundial 1914/18, agora e desde então uso a minha alcunha como nome artístico e intelectual.
Embora muitos me chamem “O inspirador” depois de lerem os meus livros…
Nasci no lugar de Varzielas a 19 de Outubro de 1966, baptizei e andei na escola em Sobradelo da Goma, de onde sou natural, terra do Ouro, freguesia a nascente do Concelho de Póvoa de Lanhoso, banhada à esquerda, pela barragem das Andorinhas das águas do rio Ave, no sopé do monte do Merouço, onde avisto a Cabreira, o Sameiro, e, o Castelo de Lanhoso.
Andei na escola primária e preparatória – TV até ao 6º ano de escolaridade, na freguesia que me viu nascer.
Casei com Rosa Maria, natural de Galegos, tenho duas filhas lindas, Bárbara Raquel e Ângela Ermelinda, e, habito na pacata e linda vila de Póvoa de Lanhoso, na província do Minho.
Completei o 9.º ano a 19 de Março de 2008 na vila e Concelho de Póvoa de Lanhoso, através do Processo de: (RVCC) “Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências”, ingressei num estudo de língua Deutsch, e, vou tentar tirar um curso de jornalismo.
Agora que tenho o tempo a meu favor, e, tenho vontade de ser reconhecido como escritor e jornalista, a prova disso falam por mim, embora tudo se deva à minha consistência e coragem de lutar por isso.
Sou uma pessoa de coragem desde criança, e, logo se vê pelos trabalhos ou obras editadas com edição de autor, “Inspiração do Compositor” com poemas de vida, e, “O livro da criança” com histórias e pinturas para os mais pequenos.
Escrevo em Sites na Internet, tenho Blogues, Hi5 e MSN.
Publicito.
Com lançamentos e festa de divulgação de livros, arrastando comigo outras culturas e artes, com artistas presentes nos meus eventos culturais, tais como escritores, artistas plásticos, e, músicos, para além de pessoas envolvidas nas comunidades. Também escrevi imensos textos poéticos, teses e notícias sobre crítica construtiva, na Suíça e local, “peco talvez por dizer algumas verdades nos jornais, e, alguns deles foram censurados!” Andei a fazer tournées culturais, por terras Helvéticas, principalmente em Zürich.
Na Póvoa de Lanhoso, fiz apresentação do livro “Inspiração”, no Cine Convívio Fura, e, Casa do Benfica da Póvoa de Lanhoso em Sobradelo da Goma.
Duas apresentações do livro “Infantil”, no Sporting Clube de Zürich e livraria LusoLivro em Zurique.
Seguidamente mais duas apresentações, no Teatro Clube da Póvoa de Lanhoso e no Grupo Desportivo da Goma.
Foi convidado pela Junta de freguesia de Sobradelo da Goma, para uma secção de autógrafos na escola EB, 1.
E pela escola de EB, 1 Garfe, para a participação no plano da literatura escolar.
Convidado para, aniversário, “Após 20 anos da morte de Zeca Afonso 2007!” na Hemeroteca de S. Torcato, com poema, com o mesmo titulo, que mereceu a melhor atenção.
Tenho estado atento e sempre que posso vou a apresentação de livros e outros. Tenho participado em eventos culturais, na “Encenação de Cristo” e outros.
Fiz uma peça de Teatro, escrita, “1001 Desenhos Animados”, e, mais uma vez sobre crítica social construtiva, espero pô-la em prática.
Agora o tema a seguir intitulado: “Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias…” sobre as Sete Mulheres do Minho, são tema nos jornais, Gazeta Lusófona, virtual, Fri-luso e revista Lusitano de Zurique em capítulos reduzidos. O slogan “Quelhas; com entrevistas ao mundo artístico, intelectual e social na Suíça” é evidente.
“Zürich cidade fantasma, da evolução e da parvalheira”,a visão de um recém-chegado à vida e à terra Helvética por Exa… está projectando.
Pois tudo vem ao encontro daquilo que sou capaz de fazer e diversificar, ter autoridade, coragem e inteligência, sobretudo gozo!

Batalha de La Lys? said...

Contudo a tal, não sou indiferente a ninguém, e, vou dando testemunho de mim mesmo, com tudo aquilo que fiz pela cultura.
Esperem pelas próximas novidades, tenho muita matéria escrita, desde; biografia, contos, historial, metáforas, e, sobre tudo poesias de vida.
Pois confesso, que com a ajuda das casas culturais onde tenho feito tournées, e, pela passagem nas juntas de freguesia e escolas, tenho tido sucesso, e, por isso me dá gozo escrever sempre, mais e melhor.
Porém nós todos juntos; colaboradores, presidentes, professores, crianças, pais e amigos, fazemos chegar longe as obras e o nome do autor, através das gentes da terra e arredores, e, de povos de todo mundo a falar e ler em português.
Obrigado aos jornais, e, a todos, pelo apoiado de divulgação, monetário, simbólico, aprazível e notável.
Um beijinho à minha mulher, Rosa, e minhas filhas, Bárbara e Ângela, pois sem o carinho delas, não me era possível ter tanto sucesso; Seguidamente ao meu talento, julgo eu, “evidentemente”.
Obrigado, de coração...
sim de coração…
sim de coração…
sim…

João Carlos Veloso Gonçalves “Quelhas”



Carlos Pereira: Sobre o (filme - documento): quanto tempo dura, em que ano foi feito, quem (produziu editou), como está distribuído, como é que se pode obter, onde tem sido projectado, etc.

Quelhas: Dura o tempo que lhe demorar a ler.
Comecei-o à uns anos atrás e só concluí em 2007.
Editado em 2009 nos jornais descritos, supra e, Blogues, distribuindo por e-mail para os meus amigos.

Nota: Toda a informação em: http://inovalar.blogspot.com/ através deste blogue, encontra-se mais blogues ligados ao autor nato povoense e mais informação.

“Quelhas” autor do mundo, porque o mundo anda à minha volta.

Álvaro said...

Porque será?
Finalmente vi uma coisa bem-feita. A anterior junta fez questão de não se demitir das suas responsabilidades. Cumpriu com aquilo que tinha prometido, ser fiel a si mesma, sem nunca alterar o seu modo de actuação (quase que era necessário adiar a tomada de posse…). Segundo me foi relatado, resolveram embelezar a freguesia criando um canteiro, onde antes existia um tanque. Boa ideia, não fosse alguns senãos: era de esperar que a requalificação daquele espaço passaria por criar um largo, pois, mas se assim fosse, diriam que estava a favorecer alguns, favorecer era melindroso, mas prejudicar, devido ao estreitamento do caminho, nada de mais natural; o meu interlocutor (deve ter antecipado a abertura do pipo, não esperou pelo São Martinho), disse ainda, que aquele espaço passou a ser privado!
“-- Estou-lhe a dizer, segundo se consta, (Alegadamente), aquela porção de terra, serviu de contrapartida, pelo alargamento do caminho que lhe está contíguo.
--Bem sendo assim, até compreendo, outros noutro local também assim fizeram, não por terreno, mas por outras contrapartidas… mas ó amigo… foi pena, ainda á pouco fizeram o murro e agora vão desfazer novamente? Quando é que vão alargar o caminho? E com que largura vai ficar?
--Mas que é essa mer…a, não estiveste aqui no verão, não reparas-te que o caminho estava muito mais largo…
--Meu amigo não fique ofendido, reconheço que poderia estar distraído, mas numa próxima visita a freguesia vou-me fazer acompanhar de uma fita métrica, a minha visão já não é o que era… Olha se eu levar uma régua de 50cm acha que chega?
--É muito, 40…30…20… deve chegar (como o pescador 5 KG, 3 KG, 1,5KG, mas 500 GR tinha de certeza!) ”
Como a conversa já ia longa,
--Já percebi, mais do mesmo…
Um abraço,
Álvaro

Ajude said...

Boa!
Agora fazendo bem as contas conseguiram mais 5 votos, que dá um diferença de 10 votos.
84-5=79 - Votos PSD
74+5=79 - Votos PS

Haja Lata PS/PSD Ajude said...

Há 4 anos, até o pai do José Augusto não votou nele, votou PSD.
Desta vez nem o próprio José Augusto acreditou nele próprio, votou PSD.

Por isso e mais perdeu.


Até sei que, a agora Junta vencedora, ofereceu muito bagaço, a uma família viciada nele.
Também sei que levou alimentos naturais e integrais a uma família de Obesos.

Por isso e mais ganhou.

Sporting Clube de Braga de Zurique said...

Ola amigo mando-te a foto da equipa e a qualificação da primeira volta que
terminou onten

1-FC Kosova 26 p

Das equipas portuguesas:
3°- Sporting de Zürich 23p
5°- Benfica de zürich 18p
6°- Braga de zürich 13p
7°- Lafões clube portugues 12p

A segunda volta começa no dia 11 de Abril 2010

Obrigado pela publicação

mit freundlichen Grüssen



Lucio Sousa
Personalberater
l.sousa@apollopersonal.ch

Apollo Personal AG
Tellstrasse 31
8004 Zürich
+41 44 383 32 32
+41 44 383 32 30
+41 79 793 44 21

Anónimo said...

Caducou o Tudo pela Póvoa, agora o Castelo de Lanhoso. Dou uns dias ao São João de Rei e Ajude2009. O imprestável, Casa das Agras nem deveria ter aberto. O Avante Póvoa deixou de prestar quando impôs regras. Resta-nos mesmo o blogue Póvoa de Lanhoso. O mais tolerante e mais comunicativo através dos múltiplos Postes colocados na página principal. E viva o Quelhas!

S.J.R. said...

Sr anónimo pode crer que este blogue não acabará em dias , pelo contrário irá durar anos mesmo que os comentários não sejam nenhuns, a não ser que me aconteça algo.
Actualizarei sempre este bloque com novidades desta linda e bela freguesia, não quero louros apenas quero mostrar tudo que temos de bom e poder mostrar aos nosso povo que está lá fora por obrigação.
Também que consigam matar um pouco de saudades da sua Terra.
A sua atitude faz lembrar uma frase bastante celebre de um grande senhor que é :
"O ignorante afirma, o sábio duvida, o sensato reflecte"

Não acha melhor reflectir nas suas afirmações ? Ou até mesmo ser sensato desde que tenha capacidade para tal evidente ?

Um abraço amigo
S.J.R.

Anónimo said...

Sr anonimo a dor de coto é chata pois é ?

S.J.R não deixe de acrtualizar o blogue e pode contar que pelo menos um membro terá todos os dias pois já não passo um dia sem dar um pulinho a este cantinho..

Obs: Gostei da sua intrepretação de visualizar a critica :)

Anónimo said...

amigos, julgo ser de grande interesse ficarem, contúdo frequêntarei este espaço que é nosso é dos povoenses.
a crítica é, foi e, vai ser evidente para alguns blogues que citei, espero que sobre algum ou nasça mais algum.
queremos blogues de qualidade, as críticas que lá meterem são sempre da responsabilidade de quem as mete e não do blogueiro.
força S. João de Rei

kikas said...

Espero que o novo PRESIDENTE começe a actuar desde já.
Comece pelos caminhos, pergunte ao tal tipo que está a fazer a arena como alguém já chamou,onde está a licença da câmara ou da junta para vedar sem alargar.
Estou informado que as vedações têm de ser 4,00m do eixo do caminho. Neste caso foi zero.Espero que tenhas coragem mesmo que não tenha sido contido.
fico a aguardar amigo presidente.

Álvaro said...

Bom dia,
Algum sabe o que foi feito da Té, estará doente? Espero que não. O seu contributo era importante, agora numa versão mais suave. Se foi de férias, até ao seu regresso.
Álvaro

Té said...

Então Sr. Álvaro, já deu pela minha falta.
Simplesmente não tenho comentado pk já não há palavras para evidenciar o que se está a passar nesta aldeia.
Espero sinceramente que esta nova Junta, nos ajude com o possível e o impossivel, a readquirir o que a nós nos pertence.
Eu penso que sim, daí apostar neles. Agora vou ficar aguardar que surjam boas notícias, porque de más estamos todos tão ceiiiiiinhooooooos....

Um abraço, amigo Àlvaro.
Estarei atento aos seus comentários. Parece-me que o Senhor é dos meus.

Anónimo said...

vamos com um pouco de calma afinal só agora tomaram posse.

As novidades irão começar a surgir e quando isso acontecer ai sim vamos ver tudo que era podre desaparecer.

S.J.R. said...

Bom dia caros amigos, Sr. Té claro que você faz aqui falta como o Sr. Álvaro e todos os outros que comentam aqui, Quelhas,Kikas etc..
Então não é que já davam pelo encerramento do blogue daqui a uns dias he,he,he..
Sentiram a sua falta :)

Meu Deus está tudo ansioso lembrem-se que o novo Presidente não é Deus irão ver as coisas mudar sim mas a seu tempo é necessário ter serenidade e paciência, uma freguesia não se muda em 2 dias e quando tem muros, são contratempos adicionais e a nossa tem muitos.
Mas nada que uma boa maquina (equipa) como a do Paulo Macedo não derrube.

"Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível, e de repente você estará fazendo o impossível."
[ São Francisco de Assis ]

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! said...

Olá.
Caro Armando, caríssimos povoenses e Blogueiros assíduos deste espaço.
Venho por este termo despedir-me do Blogue Castelo de Lanhoso.
Quero dar os parabéns ao senhor Armando, pelo espaço que contribuiu para divulgação, apoio, discordância, maldizeres e gozo sobre tudo, aos seus amáveis e inimigos colaboradores.
Quero dizer, que nem sempre tive de acordo com o senhor Armando.
Defendi sempre a tese de que, este ou qualquer outro espaço, deveria de ser educativo e de bom trato, sem ofensas.
O que mais me arreliava, era, quando algum anónimo atacava ferozmente, "caso de polícia" e não tinha coragem de dar a cara e o senhor Armando publicava!
Pois também beneficiei bastante deste espaço, dei a conhecer os meus blogues, três deles de livros "literatura", dois deles, não sendo meus, sou eu que os dirijo com apoio dos intervenientes, estes ligados a "cultura", e, por fim o Blogue internacional, "Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor!". http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
Esteve sempre atento a tudo e todos, embora longe, senti-me sempre perto, vou ter saudades dos comentários que me faziam rir e dos palhaços que me atacavam.
Não sou e não foi diferente de ninguém, comentei “enes” de vezes com nome artístico, pessoal, anónimo e com nome de meus Blogues.
Foi atacado apenas quando assinava “Quelhas”, de resto ninguém se atreveu a faze-lo, porquê? Dor de cotovelo ou apenas para tirarem partido, caso de desviarem atenções a outras questões! Talvez alguns para me derrotarem…
A isso não me importa, por isso continuo com meu Blogue livre, podem, isto se quiserem, aproveitar este espaço público, convido a todos em geral.

Castelo: PARABÉNS SR. ARMANDO
Castelo de areia: ANÓNIMOS MAL-DIZENTES

Aproveito para me despedir, então, com uma chamada de atenção:

Links e Parcerias pela Promoção, Markting, com Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, histórias com histórias...

http://alisenao.blogspot.com/
http://araujo.wordpress.com/
http://inovalar.blogspot.com/
http://www.portugalmusica.com.pt/
http://olivrodacrianca.blogspot.com/
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/
http://autodidactajorgecampos.blogspot.com/
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

Olho vivo said...

Eu arrisco em dizer que o amigo Té, está calado e não comenta porque se calhar foi descoberta a sua identidade por aqueles que ele acusava.
Colocou aqui a sua opinião da tal ARENA (muros de vedação), mas rapidamente se calou.
É claro que existe muita pressão sobre algumas pessoas quanto a esse e outros assuntos.uma coisa é certa, ninguém neste mundo consegue pintar de invisivel aquilo que é opaco.Pede ser que alguns estejam agora a usar oculos especiais para não verem a MERDA que foi feita por esse tal tipo do Porto. Bem diz o ditado que "em terra de cegos quem tem um olho é rei".
Vai aparecer brevemente aqui em S.João de Rei, mais uma vedação do género como teste à nova junta.uma coisa é certa, se unas podem os outros também.
O Tribunal de Guimarães proferiu uma sentença que obriga ao derrube de 80cm de parte de um prédio de habitação por ocupação indevida.A justiça faz-se e não se apregoua.
Não podemos lavar as mãos como Pilatos, a nova junta herdou um legado do passado que terá de resolver, caso não o faça, arrisca-se a perder a credibilidade e o respeito de quem a elegeu, acreditando que a legalidade e a justiça são repostas.
Não se pode olhar para o lado, e escrecer os erros que têm remédio, se a junta não tem poderes, a câmara certamente que os terá.Não posso concordar com este abuso por parte de quem nem sequer reside cá.
Tenho dito.

O Té said...

Caro Ollho Vivo, tem como cognome, um indicativo certeiro, mas deixe que lhe transmita que não acertou com a sua deslumbrante visão, ao dizer: "Eu arrisco em dizer que o amigo Té, está calado e não comenta porque se calhar foi descoberta a sua identidade por aqueles que ele acusava.
Colocou aqui a sua opinião da tal ARENA (muros de vedação), mas rapidamente se calou".
Pois caro amigo, desde já lhe digo e lhe afirmo, nada ter a ver com tal ARENA, tb lhe posso adiantar, que irei reclamar sempre que me seja dada oportunidade, acerca das notícias que o nosso S.J.R, POSTAR NO SEU BLOG. Por isso que fique bem claro, em relação à minha identificação, tou a utilizar uma alcunha verdadeira. Se realmente diz que me conheçe, parabéns para si. Continue na sua que eu cá estarei no meu cantinho, pronunciando-me sempre que necessário, mas resguardando sempre esses comentários menos débeis.

Um Abraço amigo Olho Vivo e de futuro pense que este espaço é sim para discutirmos os interesses da Freguesia e não andar a tentar sacar situações menos oportunas.

S.J.R. said...

Ser ou não ser heis a questão, aqui não interessa se é A ou B, interessa é sim o intuito com que faz a critica desde que seja construtiva é de aplaudir.
Só Não entendo porque é que muitos estão tão desejosos de saber quem é quem, será que é pelas palavras sabias que leem? será que é mera curiosidade? talvez fiquem supreendidos quem são as pessoas de tais afirmações, talvez um dia.........
Muitos mesmo anonimos não o fazem porque preferem ficar sentados a verem o resultado dos acontecimentos.
"Quatro características deve ter um juiz; ouvir cortesmente, responder sabiamente, ponderar prudentemente e decidir imparcialmente"
(socrates)

O Kikas said...

É extremamente abusivo, utilizar o cognome de alguém, para atingir os seus próprios fins.
Caro Kikas do dia 2 de Novembro das 22:22h, seria levado mais a sério o seu comentário caso não tivesse a desonestidade de se fazer passar por aquele que verdadeiramente não é.
Inteligência, infelizmente é o que falta a muita gente.
Visto que as pessoas não teem respeito pelo próximo, deixo aki um bem haja a todos os que realmente são honestos e sérios, mas não voltarei a postar com o cognome de "O Kikas". Continuarei a ser um dos leitores assiduos, sem dúvida.
Abraço

ter sempre os comentários livres said...

Boa noite senhor Quelhas e visitantes do Blogue da Póvoa de Lanhoso. Tens agora a hipótese de seres um marco ou um pilar, como queiras, para alcançares todas as perspectivas que esperavas. Está tudo ao teu alcance, melhor dizendo quase tudo! Porquê? Muita terra te separa e, não estarás a par de todas as situações povoenses, custe o que te custar! Estás, mas tardiamente por outras comunicações jornalísticas, não deixa de ser interessante! Pois também serão lidas pelos emigrantes, onde o jornal não chega... Terás mais que hipótese de teres bom resultado nas visitas e comentários, sobretudo nas visitas. Julgo que deves ter sempre os comentários livres, não pores restrição, pois acabarias no ridículo! Nem vale a pena ser restringido, quando se coloca para lá entulho da mesma forma, como alguns o fazem. Depois também é um vinculo que dá para aqueles que lhe cortam a voz noutro Blogue, defenderem-se aqui no Blogue da Póvoa de Lanhoso, profiro, no seu melhor e nunca a contrariar!... Verifiquei que em 10 meses tens a quase 100 POSTS, isto é mesmo um Blogue cultural e não político, de opinião e partilha. Continua João Carlos.

João Gonçalves said...

Pois não sou de Lanhoso e sei muito bem que lá existia vários instrumentos musicais.
Quem era o mentor da iniciativa, o senhor Secretário da Junta daquela freguesia.
A Junta de freguesia tinha aquele espaço nos forrinhos para dar aulas de música, pelo então Musico, Secretário da Junta de Freguesia.
É de louvar pessoas que dão o melhor em prol da cultura da sua terra, caso da Junta de Lanhoso.
Agora e por aquilo que me apercebi neste comentário, se os instrumentos foram herdados pela nova junta, nada está perdido, é porque já pertenciam à Junta!?
Pois deverá a nova junta, fazer cultura musical, se não tem musico, que convide o ex. Secretário da junta, ele aceitaria!...
Não vejo nenhum mal, pelo contrário, vi o incentivo daquele jovem para cativar alunos para aprender a dar uns toques de Guitarra.

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! said...

Vote na sondagem sobre os livros da Maria da Fonte?


Camilo Castelo Branco, Maria da Fonte, IAG – Artes Gráficas, LD.A Lisboa, 1886

Paixão Bastos, Maria Luíza Balaio ou A Maria da Fonte, Edição Tip. Moderna, LDA. Lisboa, 1945

Joaquim Palminha Silva, A Revolução da Maria da Fonte, Subsídios para a sua História e interpretação, Edições Afrontamento, Porto, 1978

António Feliciano de Castilho, Crónica Certa e Muito Verdadeira de Maria da Fonte, A regra do jogo Edições, LDA., Lisboa, 1984

DINO de Sousa, A revolução da Maria da Fonte: Banda desenhada, de Domingos Silva, Compolito, Edição C.M. Póvoa de Lanhoso, 1996

João Tinoco de Faria, Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Edição, Câmara Municipal Póvoa Lanhoso, 1996

Azevedo Coutinho, História da revolução da Maria da Fonte, Editorial Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 1997

José Abílio Coelho, Maria Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Editora Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 2004

Ana Sofia Pinto, O mistério da Maria da Fonte, Edições Sílabo, LDA, Lisboa, 2007

“QUELHAS”, GONCALVES João Carlos Veloso, A21>> Blog Archive >> Maria da Fonte – hino esquecido, 2008 - Blogger “Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias...” Edições 1/7, jornal, Gazeta Lusófona, 2008/2009 - Edições, jornal, Fri-luso 2008/2009

Outros livros ou apontamentos sobre a Heroína Maria da Fonte?

Olho vivo said...

Antes de mais boas noites.
Li com atenção a resposta do sr. Té, quanto ao meu último comentário.Não quiz nem quero insinuar que o sr.é pressionável, antes pelo contrário, quiz sim levantar o véu, aquilo que chamo de pressão.
Reconheço que não fui muito feliz na minha abordegem, mas, quero dizer-lhe que vai começando a ser tempo de se ouvir uma justificação por parte da nova junta.
Ao que sei, nada foi ainda feito no sentido de tentar resolver questões que aqui foram levantadas.Pareçe que sou alguém contra este ou aquele cidadão, mas não. Sou somente alguém que gosta de justiça social e respeito pelos direitos dos outros.
A questão já comentada por outros da tal "ARENA", a mim não me afecta directamente, mas, não gosto de atentados paisagisticos e falta de respeito pelas instituições.
A pessoa que fez a dita "Arena", até pode não conhecer as leis autárquicas, agora que o executivo de então deveria ter actuado, isso não tenho dúvidas.
Costuma-se dizer que para grandes males, grandes remédios, e neste caso reponha-se a legalidade que não é mais que o normal, ou seja derrubar os muros e executá-los à distancia regulamentar.
Não quero que pensem que me governo com o mal dos outros, nada disso,agora vendarem os meus olhos isso NUNCA.
É claro que precedentes destes, abrem caminho para outros abusos, com a ideia que é tudo pura ignorância.
Os exemplos têm de partir do inicio e de cima, e se eu fosse presidente da junta, não querendo ser ditador ou maldoso,repunha a dita legalidade, mesmo que muitos tivessem que berrar.O seu a seu dono, a lei para os prevericadores.
O anterior presidente da junta, pode ter sido apanhado de surpresa, dado que por vezes está fora do País, e pode ter tido conhecimento tardiamente. Ao que se sabe, não tem boas relações com o dono da "Arena", e certamente para não ser acusado de vingativo fechou os olhos.
Estou a bater neste caso, porque muito se está a falar na praça pública e é uma realidade.
Espero que na próxima visita haja alguma justificação e outros casos para comentar.
Fique bem ser TÉ

O Té said...

Sr. Olho Vivo

Desde já aceito a sua justificação em relação ao mau entendimento.
Agora temos outro iten, o Sr não acha que mesmo que o EX.PRESIDENTE,
apesar de viajar, deveria ter em atenção esse atentado? Não acha que ao assumir uma presidencia deveria preservar o que a nós pertence e não derrubar? Não acha que ele esteve a par da construção, assim como eu e o Senhor? Não deixe que lhe tapem os olhos, ajude esta nova equipa, que só agora é que está a começar e precisamos de os apoiar. Ainda é muito sedo para se pronunciarem sobre esse assunto. Vamos com calma, se os começamos a pressionar, não vamos os estamos ajudar, mas sim, a prejudicar. Penso eu, que a primeira abordagem que devem fazer é realmente a nível interno (contabilidade), só a partir daí é que podem começar agir relativamente ao assunto da "cerca abusiva".
Nós estamos com eles e é por eles e por nós que vamos ajudar a lutar.
Chega de vigarices. Eu também sou da opinião que o que estiver mal, que se informem e que cumprindo a LEI, derrubem. Chega de HIPOCRISIA e de CORRUPTOS.

O livro da criança said...

Olá simpáticos leitores.
Quero aqui colocar umas questões:
Seria ou não importante colocar em todas as escolas do concelho, todos e quaisquer livros de autores da terra da Maria da Fonte escritos na língua de Camões?
Como a maior parte dos povoenses sabem, existe um livro que está a 90% nas nossas escolas, bibliotecas e juntas de freguesia!
Que dizem os professores sobre esse livro?
Que dizem os pais sobre esse livro?
Acham bem que os autores locais ajudem a incentivar as crianças desde muito cedo a ter o bichinho da literatura?
Devem ou não os escritores com morada no nosso concelho fazerem-se representar por seus próprios meios às escolas em geral?
A Câmara Municipal e seu presidente, e, os pelouros da educação e cultura terão uma palavra a dizer!...


Incentivo:

O livro da criança foi feito a pensar em ti.
Sim, em ti!
E não em mim!
Tu, que és uma criança ainda muito pequenina e ainda não sabes ler, espera pela idade de ir para a escola.
Dá tempo ao tempo e verás que vais aprender a ler e escrever.
Depois, aí sim, tu vais de certeza gostar de O livro da criança, o qual te ficará na lembrança.
E tu também não ficas impune, pois já sabes ler, e com O livro da criança também vais aprender.
Pai e Mãe, para vocês também!
Pensavam que me ia esquecer de vos pedir para adquirir O livro da criança!
Pois enganaram-se.
Os seus rebentos têm que saber ler.
Professores, vocês como ninguém devem incentivar os seus alunos a terem paixão pelos livros, ajudar à cultura da leitura, para mais tarde terem outra teoria e outra visão dos factos.
Divulga O livro da criança!
Bibliotecários, Vereadores da cultura e da educação, não fiquem indiferentes.
Coloquem nas vossas bibliotecas e escolas um livro.
E porque não O livro da criança!
Será uma esperança que se alcança no futuro próximo, e estaremos todos mais unidos pela leitura, pela cultura e pelo convívio.

João Carlos Veloso Gonçalves

(Quelhas) autor povoense

S.J.R. said...

Bom dia,

Será que alguém tem algumas fotos dessa dita " arena " que possa enviar para o email deste blogue saojoaorei@gmail.com, eu que as publicarei.
Até porque quem está lá fora não sabe do que se trata e seria uma forma de mostrar a esses também e poderem ter voto na matéria.
Também mesmo para quem de direito possa ver e eu mesmo me encarregarei de mandar isso para quem devido...

abraço
S.J.R.

O Té said...

Sem dúvida, temos PRESIDENTE.
Hoje, cerca de 30m atrás foi dada ordem de derrubamento do canteiro ilegal.
Caros amigos, em São João de Rei existe PRESIDENTE, temos homem para lutar pela nossa TERRA.
Para quem presenciou, digam lá se não foi uma emoção.
Parabéns Sr. Presidente.
A honestidade, a franqueza e a legalidade acima de tudo.
Onde anda o meu caro Olho Vivo e o A.V.T., agora falta a ARENA...

Sporting Clube de Braga de Zurique said...

o Gajo que comentou sobre o Quelhas, não está a comentar sobre o livro, está a deitar abaixo. como sabe que é assim tão rasca, quando esse livro foi corrigido por um professor de português e outro de universidade e, as escolas e juntas aceitaram de bom grado! porque é que os adultos podem ler e uma criança não? não sabe o anónimo a esta parte o livro da criança teve sucesso e, causa vómitos a muitos, não é? sabe que este livro até é bastante instrutivo, senão leia de principio ao fim sem beber uns copos e estar bem lúcido e, perceber a mensagem. meu senhor sabe, eu li e gostei e, li-o numa tarde e, percebi muito bem a mensagem que o Quelhas quis passar. tu não o lês-te? certamente! acertadamente e apenas ouviste falar no livro de sucesso não fo? vai um livro oferecido, vai? podes encontrar nas juntas, nas bibliotecas, num amigo teu em casas portuguesas na Suíça e porque não na escola do teu filho!

Anónimo said...

Podem me situar por favor de que canteiro falam ?


onde fica ?

L.p

Anónimo said...

O Ex Canteiro(O dito canteiro) situa-se ao cimo da avenida principal (Avenida do Sr.Arménio), no lado oposto à moradia da Ex Candidata(Secretária da Assembleia do PS)e frente com a Casa do Cazal (T.E.R.). Entendeu senhor anónimo?
E como já aqui foi citado...
"EXISTE UM HOMEM A PRESIDENTE"
Obs: só tenho pena de não estar presente...

Anónimo said...

o Gajo que comentou sobre o Quelhas no outro blogue, não está a comentar sobre o livro, está a deitar abaixo. como sabe que é assim tão rasca, quando esse livro foi corrigido por um professor de português e outro de universidade e, as escolas e juntas aceitaram de bom grado! porque é que os adultos podem ler e uma criança não? não sabe o anónimo a esta parte o livro da criança teve sucesso e, causa vómitos a muitos, não é? sabe que este livro até é bastante instrutivo, senão leia de principio ao fim sem beber uns copos e estar bem lúcido e, perceber a mensagem. meu senhor sabe, eu li e gostei e, li-o numa tarde e, percebi muito bem a mensagem que o Quelhas quis passar. tu não o lês-te? certamente! acertadamente e apenas ouviste falar no livro de sucesso não foi? vai um livro oferecido, vai? podes encontrar nas juntas, nas bibliotecas, num amigo teu em casas portuguesas na Suíça e porque não na escola do teu filho! oferecido nunca, assim querias lê-lo?

observação: o Forum Povoense, apagou já esse comentário, em nome do Quelhas, obrigado, obrigado também por não comentar este meu, ainda bem que existe defesa neste blogue de S. João de Rei.

Sporting Clube de Braga de Zurique said...

Vou aqui contar uma pequena passagem na escola Suíça

Um amigo, contou-me um dia destes, que seu filho na escola primária, foi encontrado nos balneários da sua escola em Zürich praticamente despido e a despir duas colegas de turma…
O Pai foi chamado imediatamente à escola, onde estudava e frequentava escola o seu próprio filho…
Moral da história:
Perguntaram ao Pai, se ele em casa fazia alguma coisa que, não devesse fazer à frente do filho, algo impróprio para crianças…
Logicamente que aquele Pai disse que não, mas, pensou que todo o cuidado é pouco!


Começo por dizer que, as crianças na idade de imatura, gostam de imitar os Pais e os mais velhos em geral.
Uma chamada de atenção: Todas as crianças mais rebeldes, desta ou de outra forma, as maneiras de ser, falar, brincar, falar educadamente ou maltratar terceiros, devem-se muitas vezes aquilo que se passa no seio familiar.
A educação passa pelos Pais ou quem tem a criança ao seu abrigo.
Não são os professores que lhe vão dar essa educação?
Mas sim ensinar as matérias escolares!...
Portem-se bem.

Anónimo said...

Já vi a ex floreira um já lá vai e o sitio ou local já voltou ao seu dono, ou seja ´do povo sim porque aquele local é nosso e não de 1 ou outro..

Parabens Sr. Presidente

L.P

Cuscas said...

Frederico Castro apesar de ser deputado, deixa-me satisfeito que não me inibe de escrever sobre ele.
É deputado não por mérito próprio mas sim por demérito de outras figuras povoenses que se deixaram enrolar por ele.
Lisboa, Assembleia da República, não é Povoa de Lanhoso (digo concelhia do PS).É local onde os espertos se afundam pelas suas próprias mãos. Esse melro de bico amarelo, não passa e um tranpolineiro,formado em jogos de rodelhices e intrigas.
Quanto a 2013 ser candidato à Câmara, até dar para rir.Mas afinal de contas foi a Póvoa que o elegeu?
Até parece que quem elege o presidente da câmara é a JS.Tem uma coisa a mais em relação ao Dr. Lourenço que se chama LATA e FALTAR DE RESPEITO, isso sim é muito mais talentoso.
Sorte teve ele, isto é se não lambeu a botas ao Mesquita, prometendo-lhe o euromilhões.
Frederico Castro,que não se esqueça que prometeu aqueles a quem pediu o voto para as europeias e legislativas em Monsul de pagar a factura com os tais GRANDES INVESTIMENTOS na freguesia caso fosse eleito deputado.Agora compete-lhe pagar essa dívida.Mas como a conversa dos roletas é sempre da treta, acredito que pague essas promessas no dia de são nunca à tarde.
Mandem o tipo ar uma volta ao bogio.

Anónimo said...

Sr. Té, fico contente com a noticia de 5 de Novembro de 2009 16:09.
Não posso tambem deixar de dizer e fazer minhas as suas palavras " Temos Homem".
É o primeiro passo e um aviso à navegação.
Estou ausente, mas já agora posso saber onde foi essa acção ?
Agora caro senhor, não queira comparar o derrube de um canteiro com uma vedação da envergadura da tal "Arena". Falamos de questões totalmente diferentes, ainda que possam ser ambas iguais em termos de abuso.
Temos de esperar para ver, mas deixa-me muitas dúvidas.
Eu estive junto à dita " Arena", no passado domingo,e senti revolta pela obra.Não conhecia aquele trabalho, mas é claramente uma vergonha.Agora, também arrico em dizer que a Câmara tem muitas responsabilidades neste caso, uma vez que existe uma construção sem qualquer afastamento do caminho.É claramente um incentivo à ilegalidade.
Mas, temos cá mais casos recentes,nomeadamente vedações de chapa de propriedades na Corredoura, que impossibilitam a visibilidade uma vez que são excessivamente altas, estando fora dos regulamentos de 1,20m de altura.
Pelo menos quando fiz a minha casa assim me obrigaram.
Até parece que S.João de Rei tem excelentes vias com largura que permita a circulação autmóvel com normalidade.
Para quem denunciou este caso no Lugar do Cabo merece os meus parabens.
Boa noite.

Opções de adopção às escolas said...

Alunos, Professores, Pais e Empregadores

Quelhas

Olá boa noite, amigos e amigas
Venho trazer à ribalta outras culturas
Na minha vida, vou adaptando sistemas de vida
À pouco mais de um ano, cheguei à terra Helvética, e vejo, com bons olhos as formas que se enquadram nalgumas maneiras de vivência entre povos
Exclamei e reflecti, a Suíça está mais evoluída na educação em relação a Portugal em todos os níveis
Mas agora não vou entrar nesse campo, apenas vou dar a conhecer dois métodos que a Suíça perfilhou com as crianças e seus Pais, Professores e outros
E porquê!
E dizem vocês, o que é que isso nos interessa?
Pois bem, aquilo que a Suíça, o país aprende com os povos Europeus, também os países Europeus pode aprender com a Suíça
Cá, nesta linda comunidade, neste caso em particular, a escola Helvética através dos seus Cantões, adoptaram, então, a forma de todos os pais e filhos, juntamente com professores e empregadores dos Pais, elegeram, uma forma simples e fantástica para uma boa relação entre todos, desde a educação, ao incentivo no trabalho e, à realidade como se dá aulas na escola Suíça
Vamos ao tema que interessa: Algumas vezes por ano, todos os Pais são convidados a ir à escola assistir a uma aula do educando, caso de ser filho, está o tempo que quiser a assistir à mesma, a disciplina não importa
No contexto, indirectamente, os Empregadores dos Pais, também são envolvidos nesta tarefa, pois deixam o subordinado ir assistir à aula do seu filho e pagando as horas que perderem para o caso em epigrafe
Engraçado! Muito engraçado, também fiquei a saber que existe o dia da Filha, não do filho!
Um dia por ano, enquanto decorre o ano lectivo, as filhas vão acompanhar o Pai, não a mãe!
Onde vão eles acompanhar o Pai?
Simples e objectivo: A filha vai com o Pai para o trabalho, aqui também o Patrão do Pai tem uma palavra a dizer, mas nunca se impõe às adopções da Suíça, para bem de todos e das comunidades a que pertencem
O que é que a criança vai fazer no trabalho do Pai?
Porquê com o Pai e não com a mãe?
No contexto, porque é que é dia da filha e não do filho?
O hábito escolar, vem no âmbito do Ministério da Educação, para que as meninas de hoje, mulheres de amanhã, saibam e tenham conhecimento, com outra realidade, com o Pai no trabalho e para com o trabalho
Deve-se isto, segundo dizem os Suíços, que a menina aprende com a mãe a lida da casa e partilha tudo mais com a mãe, e aprende a ser mulher dia após dia, exemplo da forma que brinca às bonecas Visível que, não sabe muito bem a realidade fora de casa com o Pai!
Porque todos nós sabemos que, o filho não brinca às bonecas e vai à bola com o Pai, tem outra atitude de comportamento, e por isso diz a cultura Helvética, que a menina é mais reservada e, mantém uma vida menos liberal, por esse motivo quiseram lhe dar o dia da filha por legitimidade, para ela ter uma proximidade do Pai e da realidade sobre o trabalho, a maior parte das vezes em conjunto com outras pessoas
Acho mal nesse sentido, não haver o dia do Filho, já que existe o dia do Pai e o dia da Mãe…
E irem os meninos, rapaz, uma vez por ano para o trabalho com a mãe.
Estou a partilhar neste espaço e gostaria de saber a opinião dos nossos professores e Vereadores da Educação
Gostaria que adoptassem medidas deste género, para uma boa união entre todos, aprendendo uns com os outros
Fica aqui a minha sugestão e gostaria de uma resposta do poder autárquico da Póvoa de Lanhoso
Abraço

Té said...

Sr. Anónimo (anterior), já aqui foi relatado ao pormenor onde se situa esta fraude, mas passo a descrever conforme foi citado:"O Ex Canteiro(O dito canteiro) situa-se ao cimo da avenida principal (Avenida do Sr.Arménio), no lado oposto à moradia da Ex Candidata(Secretária da Assembleia do PS)e frente com a Casa do Cazal (T.E.R.)." gora quanto às ditas chapas, os próprios moradores é que devem reclamar, não acha? Também não vamos abusar do bom humor do nosso Presidente. Com calma e bem feito. A acção de ontem, vem provar que este homem irá ser uma mais valia para São João de Rei.

JOSÉ ABÍLIO said...

ACABOU O BLOGUE DOS COMENTÁRIOS QUE ERAM IMPOSTOS PELO ARMANDO.

ACABOU AO BLOGUE QUE OS COMENTÁRIOS ERAM NEGADOS PELO ARMANDO.

ACABOU O BLOGUE DOS COMENTÁRIOS QUE ERAM ACEITES PELO ARMANDO.

ACABOU O BLOGUE INDIVIDUALISTA DO PSD.

ACABOU O BLOGUE DO CASTELO DE LANHOSO, AQUELE, QUE, POSTAVA TUDO O QUE INTERESSAVA CONTRA OS OUTROS, OPORTUNISTA.

Foradelei said...

Este de tal Té parece o defensor espiritual do presidente da junta.
Foi um feito histórico,jamais visto neste mundo. Mandar derrubar um canteiro é preciso ter poder e ser pessoa integra.Assim se cumpre a lei.
Os jornais nacionais vão ter em primeira página com destaque:
Novo executivo autárquico de S.João de Rei, Póvoa de Lanhoso, limpa freguesia dos maus exemplos.
Já começou a actuar com os abusadores, mandando derrubar um canteiro como exemplo para todos.
Atenção residentes, caso coloquem uma flor no domínio público estão sujeitos a todas as consequências legais.
Agora esta freguesia vai ser "PILOTO" para todo o concelho.
Tou prá ver.

Cultura – Livros – Presidentes – Terras said...

Terras, culturas e gentes

Quelhas

Venho defender as qualidades intelectuais e culturais da antiga junta de S. João de Rei.
A ex. junta liderada pelos meus amigos, Arlindo, Carlos e Zé Maria, só tenho a dizer bem.
São pessoas exemplares e susceptíveis no que diz respeito a Cultura, estou-lhe agradecido pela compra de 40 livros, Inspiração do Compositor, e 15 livros, O livro da criança, para dar aos meninos da escola de João de Rei, agora infelizmente noutra escola.

Da mesma forma defendo a ex. Junta de Lanhoso, liderada pelos meus amigos, Fernando Macieira, Marco e José Silva, que adquiriram 20 livros, Inspiração do Compositor, e 40 livros, O livro da criança, para os meninos da sua escola.
Culturalmente está de parabéns!
E defendo ainda as coragens que tiveram em relação à compra de instrumentos musicais, para dar aulas a quem quisesse frequentar aquele espaço da junta de freguesia.

Só e para já, defendo estas duas juntas, porque foram perdedoras e teem andado na ribalta, porque as pessoas acusam, e muitas das vezes não sabem muito bem o que dizem, ao menos se dessem a cara, os elementos das ex. juntas de freguesia poderiam defender-se!

Já agora resta-me desejar boa continuação, aos novos corpos, das novas juntas de freguesia, destas duas lindas terras e que, sigam as pegadas culturais destes dois grupos que fizeram o melhor pelas suas freguesia, penso que errar é humano, não acuses, que, depois acusam-te a ti...
Boa sorte para os novos presidentes, senhores, Paulo Macedo e Fernando Machado.

Lanhoso: A freguesia mais antiga deste concelho de Póvoa de Lanhoso e que antigamente ia até ao riacho do Pontido e fazia fronteira com Fontarcada, isto antes de nascer, Nossa senhora do Amparo e a sede do Concelho, Póvoa de Lanhoso.

S. João de Rei: Já foi uma freguesia que no século XIX era vila e sede de concelho. Esta pacata terra é uma das mais rurais do então concelho de Póvoa de Lanhoso.

Duas terras e duas gentes a serem respeitadas, agora e sempre…


Abraço a todos os leitores

Anónimo said...

nem mais, um foradelei, é precisamente uma pessoa incapaz de ver e fazer justiça. o seu nome foi muito bem selecionado. Ás vezes o estar calado é o ideal.

Foradelei said...

O anónimo deu a entender que ficou incomodado. Afinal de contas, com tanto rigor perante a legalidade, já não sei se estou dentro da lei.
Razão pela qual me intitulo FORADELEI.
Percebeu ou não seu ...

Anónimo said...

Concordo e discordo do SR. Fora da Lei...
Isto é evidente que não é por derrubar um canteiro que vai mostrar que algo, ou que é um feito histórico, mas desculpa Sr. Fora da lei, mas sem duvida é um começo existe um velho ditado que diz:"sozinho não posso mudar o Mundo" mas posso começar a faze-lo.
Como esse canteiro existe outras tantas ilegalidades para fins não de embelezamento mas sim com o intuito mais tarde de assamarcar para bem próprio e tudo que é do Povo, meu,seu,de todos os cidadões de São João de Rei assim se deverá manter.
Voce sabe perfeitamente que existem muitas coisas aqui que foram assemarcadas de fininho, essa foi uma dela aquilo está em obras por isso ali irá nascer uma casa e já se estava a fazer a entrada ?

Vamos ver até onde o Novo Presidente vai se tem ou não fibra.

Kantiflas

Té said...

Sr. Foradelei, não era para responder aos seus comentários indignos, mas visto que o ditado já é antigo enuncia: "quem não se sente, não é filho de boa gente."
Caso o Sr., não consiga estabelecer um controle sobre si próprio e se precisa de um pequeno espaço destes para despejar toda a sua euforia e indignação, pelo facto de a freguesia ter mudado a sua cor partidária e os membros serem excluídos de uma forma tanto ao quanto "esmagadora", o Sr. como cidadão( se é que o é) da freguesia, deveria realmente ter em atenção que a obra autorizada pelo anterior Presidente de Junta, foi a maior vergonha feita em São João de Rei. Ou o Senhor não acha? Acha que foi bem feita? Já tinha o mandato perdido, sabia que iria outro homem exercer tal domínio e comete um erro destes? Se realmente tem essa opinião, digo-lhe desde já que não voltarei a responder a mais nenhum dos seus comentérios, visto que realmente estou a dialogar com um ser humano, capaz de prejudicar sem limites para alcançar os seus fins. É isso que o Sr. quer para a freguesia? Quanto à questão que o V/ diz que o Té é o defensor espiritual do Presidente, longe de mim fazer uma coisa dessas, até porque o Presidente dá a entender o que realmente quer. Eu sei que V/ se referiu por ter pronunciado, "Temos Presidente", mas, volto a reforçar e sabe porquê? Porque nem eu, nem o Sr., tinhamos a coragem de tomar tal atitude como a que o Presidente teve. E sabe porquê? Porque falar é muito fácil, agora agir, são poucos os que o fazem.
Tenho ou não razão, diga-me lá Sr. Foradelei? Em particular, não defendo ninguém, mas sempre que haja atitudes por parte da junta, criticarei sendo elas boas ou más. E desde já lhe digo, se o Presidente merecer ser criticado, também o farei, porque uma crítica bem feita será uma boa ajuda.

Fique bem...

Anónimo said...

Sim senhor grande blogue este aqui é assim mesmo, o que interessa são criticas a favor ou contra desde que sejam construtivas são sempre bem vindas. e só servem para melhorar a freguesia..

Kantiflas

Álvaro said...

Estou num estado de timidez profundo, sinto-me intimidado e até pouco a vontade, para dar a minha opinião sobre o que o ilustre escritor e jornalista, “O Quelhas” escreveu. Desde já me penitencio por esta minha ousadia.
Este seu admirador, está confuso, os exemplares eram os livros que vendeu ou os exemplos das pessoas que mencionou? A nível particular tenho admiração por todos eles, mas infelizmente ao nível das acções praticadas enquanto membros da antiga junta, não são exemplos a seguir.
Se me permite uma pergunta: O seu objectivo é divulgar o que escreve pelo seu conteúdo ou vender livros? Ambos são legítimos, agora concentre-se naquilo para que tem mais jeito… Delegue o Marketing (trabalho menor) para outros, e brinde-nos com a sua escrita.
Vou propor á nova junta, que com o saldo da junta anterior, adquira alguns exemplares das suas obras e os faça chegar a casa de cada família, porque afinal, todos deviam ter direito a uma boa leitura.
Quero deixar bem claro que tudo o que escrevo, não é sobre a pessoa do Quelhas, nem mesmo das suas obras (nunca li nenhuma), é sim, sobre uma atitude que demonstra um desconhecimento dos factos, que não posso aceitar.
Uma coisa é o apoio incondicional aos amigos, outra é vender livros e outra ainda, é ter necessidade de agradecer a quem lhe comprou os livros, ter-lhe-ão feito algum favor ou apenas é bem-educado? Eu que não tenho nada publicado, posso me dar ao luxo de escrever uma quantas asneiras, mas um escritor, jornalista não devia ter essa leviandade.
Continuarei a ser seu admirador, pois o que admiro em si é a convicção com que defende o que escreve, independentemente do que escreve.
Os meus sinceros cumprimentos,
PS: A vangloria não fica bem a ninguém…
Álvaro

fabinho_tuga_fcp@hotmail.com said...

MENINA VALECAMBRENSE PRECISA DE AJUDA ...

Orlando@arsopi.pt
fabinho_tuga_fcp@hotmail.com

Para aqueles que já tenham ouvido falar desta história mas possam ter dúvidas: Esta história é verdadeira e a menina é mesmo de cá.
Fiz questão de confirmar e conheço, inclusivé, algumas das pessoas que estão directamente envolvidas na divulgação/ajuda.

Os meus cumprimentos,

Sóniaf.


VAMOS AJUDAR ESTA PRINCESINHA??

A DESCOBERTA DO MEU PROBLEMA


Óla a todos, sou uma menina de 4 anos de idade, e chamo-me Bruna Teresa. Nasci com as 40 semanas da gestação, de cesariana e pesava 3.500gr. Corria tudo muito bem, até que na consulta de Pediatria dos 2 meses foi visto que eu tinha um problema nos olhos. Fui então encaminhada para um Oftalmologista Pediátrico onde esse mesmo disse aos meus papás que eu era cega e que sofria de Displasia septo-óptica (situação clínica grave caracterizada por nistagmo congénito , ausência de septo-pelúcido, hipoplasia dos nervos ópticos), foi aí que o mundo desabou em cima dos meus papás...Voltamos ao Pediatra, onde ele disse que me iria internar para estudo de possivel suspeita de Displasia septo-óptica. Internou-me no Hospital S. João de Deus V.N Famalicão, tive lá uma semana com a minha mamã,onde me fizeram os exames todos e o resultado foi aquele que os meus papás mais temiam. Que eu sofria de uma DISPLASIA SEPTO-ÓPTICA ( SINDROME DE MORSIER), é uma desordem rara que provoca cegueira, problemas hormonais (horm.tiroideia, horm.crescimento, horm.cortizol ),problemas na mastigação, estes são os que actualmente eu tenho (sofro), mas ao longo da minha vida podem aparecer muito mais...Os meus papás têm tido uma luta imparável para comigo, pois querem que eu dentro das minhas limitações possa ter uma vida normal como a de qualquer outra criança. Há 15 dias atrás, o meu papá pesquisou na internet possíveis crianças com o mesmo problema que o meu, e foi quando encontrou a Ana Catarina de Lisboa com o mesmo Síndrome. A minha mamã conseguiu falar com a mãe da Catarina e foi quando soube da cura que existe para este Síndrome na China, já fizeram 15 tratamentos com crianças entre os 10 meses, 4 anos, e 16 anos de idade e todos os tratamentos foram efectuados com sucesso. Este tratamento é efectuado com células estaminais, as quais são injectadas na espinal medula, e tem a duração de aproximadamente 6 a 8 semanas. Os meus papás querem muito me levar lá para esse mesmo tratamento, mas como sabem o nosso governo não ajuda nada o tratamento, as viagens são muito caras. São necessários aproximadamente 50 mil euros. Eu apelo-vos que ajudem os meus papás a poderem-me levar à China para este tratamento, nem que seja com muito pouco, os meus papás e eu agradecemos do fundo do coração a ajuda...POR HOJE É TUDO, VOLTO ASSIM QUE TIVER NOVIDADES...OBRIGADO AMIGUINHOS :-)

http://www.bruninha.org/

POR FAVOR AJUDEM-ME!

Banco: Caixa Geral de Depósitos
Titular: Bruna Teresa Pinho Tavares
NR:0831 033555000
Balcao: Vale de Cambra
nib:003508310003355500028
IBAN: PT50003508310003355500028 BIC: CGDIPTPL

Alguma dúvida, por favor contacte-nos, agradecemos...
Jorge Tavares: 916463868
Márcia Tavares: 914654292
MAIL: snoop__dog@hotmail.com

Enviem por favor ao maor numero de pessoas que poderem, agradeço ja o facto de estarem a ler esta historia!

http://www.bruninha.org/

Foradelei said...

Té, não era necessário ficares tão revoltado com o meu comentário.
Quando escrevi não me referi à tua pessoa directamente,mas sim aos acontecimentos ocorridos por parte da junta.
não sei porque te sentes tanto.
Afinal de contas se os meus comentários são tão indignos,nem sei porque é que não levaram com o lápis azul.
Tem calma, não me respondas, porque caso o faças estás a perder o teu precioso tempo.
fica bem

Zépovinho said...

Frederico Castro, reputado DEPUTADO, dará a sua primeira conferência de imprensa, dia 13 na cerimónio da tomada de posse da A.Municipal da póvoa de lanhoso, na qual dirá quantas vezes apareceu na televisão, quanto ganha, quantos discursos fez e quantas vezes quer aparecer na TV. A seu lado estará a ultima vitima deste Drª. Isabel Jorge, ex. deputada substituida por FREDERICO CASTRO.
Compareça para ver.

Anónimo said...

http://jn.sapo.pt/blogs/quelhas/default.aspx

93,5 FM said...

Os pós e os contras de uma rádio

Quelhas

Os "DOIDOS VARRIDOS" não é um programa de asneiras, é sim um programa de entretenimento que, cativa muitos ouvintes por todo o lado.
Os dois jovens povoenses, Tiago (..) e Pedro (..), tem uma cultura elevada para falarem em certos e determinados assuntos actuais que, em fofoquice passam a expressar em cada dia a que pertence as efémeras desse dia.
E é com boa disposição e talento destes dois "Varridos" que a rádio ganha ouvintes pela Póvoa e todos os concelhos vizinhos e no estrangeiro através da electrónica.
Não quer dizer que não se falem de assuntos sérios, pois a brincar é que se vai dizendo as verdades, certo?
Vou dizer aqui um assunto, para quem crítica a rádio e não a ouve: Em 2007, cheguei “A brasa à sardinha” e, é assim que todos teem que o fazer;
Ofereci para os ouvintes daquele dia e daquele programa, “Dia das Bruxas” alguns livros (Inspiração do Compositor), e durante três horas estive no “AR”, hora ouvindo os “Varridos, hora respondendo a perguntas entre nós os três, e conversando no geral do programa, assim como dialogando com as pessoas que telefonavam em directo.
Foi um programa em cheio, mal sai dos estúdios da rádio 93,5 FM, não faltavam pessoas amigas a dizer-me, que ouviram a minha voz na rádio, outros telefonando-me e felicitando-me, foi lindo!
Digo com franqueza, se “A montanha não vai a Maomé, vai um gajo à montanha”.
É com este espírito que todos os interessados devem fazer pela vida.
O Maria da Fonte e o P. D’Ave, assim como o povo, se quiserem relatos que façam por isso!?
Se o povo quer notícias, que façam ver à Câmara, de que é preciso para o concelho notícias actuais da nossa terra, ou será que a Câmara anda de olhos vendados!?
Vou pegar na palavra de dois anónimos, que dizem que, a publicação de notícias e do relato de futebol faziam falta.
Estou de acordo, claro que sim! No entanto percebo muito bem que, em primeiro lugar está a sobrevivência e, a rádio vai buscar meios para continuar a bom ritmo, através de várias publicidades, porque não?
Aqui e como diz um dos subscritores, a Câmara tem uma palavra a dizer, a rádio não vive de ar e vento, tem de ter lucros para pagar despesas, não é só dar notícias e relatos a título grátis?
Estarei eu enganado e estas instituições pagam para tal?
Estou certo que se houver meios para ajudar a rádio, a sua direcção divulgará tudo e mais alguma coisa que a Póvoa precisa!
Continuação.

Quelhas said...

Caro Álvaro, claramente que são dois livros, cujo autor sou eu, faço-me entender ou está a brincar comigo?
Diz que os amigos que falamos em epígrafe, não são exemplares a seguir; Olhe eu só estou a referir aquilo que diz respeito a cultura!
Obviamente que estou a defender terceiros, como disse culturalmente e ao mesmo tempo a fazer Marketing...
Você nunca leu livros do "Quelhas"!
Já leu livros do António Celestino?
Pois deveria de ler a obra dos dois autores povoenses, a minha é fácil e grátis, procure nos meus Blogues e encontra, se gostar encomende um livro que eu reservo...
Sabe, as leituras nem sempre agradam a leigos e troianos e os livros são como os jornais, uns só compram jornal para ver futebol, outros para ler política e, ainda outros para verem notícias ou para fazerem palavras cruzadas, entendeu o meu raciocínio?
Os meus livros ou as minhas escritas ou parte de algumas delas, não foram tão felizes para uns e bem aceites por outros!
Cumprimentos

Anónimo said...

"O tema do FORUM POVOENSE era o seguinte:"

10 Comentários

FIZ PUBLICAR ESTE POST QUE FOI NEGADO PELO FORUM, TALVEZ ESTE BLOGUE SEJA DO EX.MO SENHOR... CLIK E VEJA EM TAMANHO NORMAL.

[Photo]

"INICIO DO ANO LECTIVO !

Caros amigos gostaríamos de colocar a debate um tema que penso estar na ordem do dia e que diz respeito a quase todos que é o INICIO DO ANO LECTIVO !
Gostávamos de ter as vossas opiniões sobre a abertura do ano lectivo na Povoa de Lanhoso agora que passou um mês e meio do seu inicio.
Temos um novo centro educativo , temos varias escolas na vila com vários problemas e temos a "gripe A "
O que nós queríamos saber era as vossas opiniões sobre este inicio de aulas os planos de contenção da gripe A , os problemas de acessos , de condições de trabalho que algumas escolas têm , etc!
Fica lançado o tema ficamos a espera das vossas opiniões !
Um abraço"

NOTA: O Ex.mo senhor Provedor da Santa Casa da Misericórdia e a Ex.ma senhora Vereadora da educação, disseram-me que dariam resposta mais tarde, depois de resolver o assunto e, até hoje fizeram silêncio. Não sei se tomaram medidas ou não e, gostaria de saber alguma coisa acerca disso. Embora não tenha lá agora a minha filha, mas preocupa-me aquilo que se estava a passar e nada sei!?

publicada por Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor!

às 15:45 a 10/Nov/2009

Álvaro said...

Caro Quelhas,
Antes de mais,este leigo, sugere uma correcção: Tive o cuidado de deixar bem claro, que o que escrevia era sobre a sua defesa dos anteriores membros da junta e não sobre os seus escritos, mas enfim…
É capaz de dizer, onde insinuei sequer que os livros não são seus?
Reafirmo o que disse, não são exemplos a seguir, porque no seu estilo até não são grandes exemplares…
Não compreendo a sua admiração por eu nunca ter lido os livros do Quelhas, mas vou-lhe confessar, já li umas quantas coisas escritas por si, e não fiquei com curiosidade de ler os livros, mas é apenas a minha opinião. Aceito com naturalidade de outros gostem…
Não percebi o paralelismo com o escritor que refere, o que há de comum entre os dois? Agradeço a sua generosidade, mas ao contrário de alguns, apenas guardo o que penso ler, não tenho grande espaço cá em casa.
Se o que tinha a intenção de escrever era apenas em relação à cultura até poderíamos estar de acordo, não fosse o juízo ter partido de um dos interessados e não de fonte independente, é capaz de enunciar outras actividades de relevo cultural patrocinadas pela anterior junta?
PS: A imodéstia não fica bem a ninguem...
Cumprimentos
Álvaro

Já encontrou livros da Maria da Fonte na nossa escola? said...

Já leu alguns das centenas de livros sobre a Heroína Maria da Fonte?

Camilo Castelo Branco, Maria da Fonte, IAG – Artes Gráficas, LD.A Lisboa, 1886

Paixão Bastos, Maria Luíza Balaio ou A Maria da Fonte, Edição Tip. Moderna, LDA. Lisboa, 1945

Joaquim Palminha Silva, A Revolução da Maria da Fonte, Subsídios para a sua História e interpretação, Edições Afrontamento, Porto, 1978

António Feliciano de Castilho, Crónica Certa e Muito Verdadeira de Maria da Fonte, A regra do jogo Edições, LDA., Lisboa, 1984

DINO de Sousa, A revolução da Maria da Fonte: Banda desenhada, de Domingos Silva, Compolito, Edição C.M. Póvoa de Lanhoso, 1996

João Tinoco de Faria, Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Edição, Câmara Municipal Póvoa Lanhoso, 1996

Azevedo Coutinho, História da revolução da Maria da Fonte, Editorial Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 1997

José Abílio Coelho, Maria Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Editora Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 2004

Ana Sofia Pinto, O mistério da Maria da Fonte, Edições Sílabo, LDA, Lisboa, 2007

“QUELHAS”, GONCALVES João Carlos Veloso, A21>> Blog Archive >> Maria da Fonte – hino esquecido, 2008 - Blogger “Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias...” Edições 1/7, jornal, Gazeta Lusófona, 2008/2009 - Edições, jornal, Fri-luso

Outros livros ou apontamentos sobre a Heroína Maria da Fonte?

http://inovalar.blogspot.com/

Comunicação Social Povoense said...

Os jornais são do dono deles, eles é que os gerem, eles é que metem o que vem entender, eles é que mandam!
Só dão vós a quem querem dar e por interesses...
Depois existe o ciúme entre jornais, um não quer publicar o que outro publica.
Contudo isto, existe ainda as simpatias e as inimizades sem razão de o ser.
Manda-se para lá e-mail e não o lêem ou então lêem e ignoram.
Porquê Lurdes Marques?
Porquê Armindo Veloso?
Porquê Costa Guimarães?
Porquê José Abílio?
Digo isto porque se passou comigo durante o ano 2006/7, quando tinha voz activa no jornal Terras de Lanhoso e o jornal Maria da Fonte dizia que não publicava, porque eu publicava noutro espaço.
Interesses porque arranjava assinaturas no TL, até tinha enes de publicidade de borla.
Um certo dia chateei-me com uma situação e mandei um e-mail aos responsáveis máximos do jornal MF, desde então a Lurdes nunca mais me viu com bons olhos, e penso que por ela não publicarei nada, porque ela é egoísta!
Quanto ao amigo Zé não sei o que se passa, desde a última publicação sobre o lançamento de livro na Suíça, nunca mais saiu nada, nem meus escritos que durante tanto tempo estiveram presentes no TL.
Julgo que também foi por eu ter reclamado sobre um assunto com ele, não gostando e vingou-se.
Tenho tentado mandar notícias sobre e relacionadas com emigrantes na Suíça e de nada resulta, exemplo da vinda da Associação de invisuais a Zürich.
Porque?
Como digo existe jogo de interesses!
Pois era de mais valia dar voz a uma pessoa que gosta de fazer informação aqui no estrangeiro e publicar em Póvoa de Lanhoso, assim como publica em vários pontos da Suíça, exemplo de Zürich, Luzern, Fribourg e Paris na França.
Li umas perguntas no FORUM sobre o Zé e a Lurdes, vou dizer o que penso!
Aprecio e considero os dois, no entanto não posso deixar de dizer que, teem que deixar alguns caprichos de lado, se eu algum dia errei, eles também são humanos e erram também.
O domínio é a indiferença, quando devia ser vice-versa e sermos apoiados uns pelos outros pela cultura povoense.
Quanto aos jornais e rádio, não tenho nada contra publicidade, pois essa é a sua fonte.
Quanto a quem por lá escreve, escreve enquanto houver tais interesses dos proprietários, assim como fizeram comigo.
Quanto a jornais online já temos o MF, mas não a cem por cento, e também deve ter poucos leitores, porque não temos acesso a comentários e isso reflecte na falta de interesse de entrar nesse espaço.
Fiquei triste quando o jornal TL deixou de chegar até mim, pelo facto de ser caro o envio, por não ter Porte Pago, no entanto sei que está a chegar ainda a alguns lugares porque pagam com um aumento para 45,00 euros anuais, já agora o MF quebra 35,00 euros anuais.
Estou inteiramente disposto a mandar notícias que tenham a ver com a nossa comunidade para os jornais povoenses, pensem nisso!
Será difícil aceitarem depois de lerem as verdades que escrevi, porque como disse: “Os jornais são do dono deles, eles é que os gerem, eles é que metem o que vem entender, eles é que mandam!” E a orgulho não paga imposto, não é compatriotas, Lurdes Marques, Armindo Veloso, Costa Guimarães, José Abílio?
Apelo a quem quiser dar algum contributo para melhorar o Blogue; Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! in http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/ pode o fazer para o e-mail loja.inovalar@gmail.com e enviar textos e imagens, o Quelhas agradece.
Um abraço a todos aqueles a quem falei por um desabafo e a todos os leitores e povoenses em geral.

João Carlos Veloso Gonçalves

Anónimo said...

Boa tarde,
Alguém bem informado me sabe explicar, o porquê, da estrada de Requeixo sofrer afunilamento junto aos campos, não acredito que o dono não tenha cedido 1 metro em favor de todos…
Afinal ele é dos principais beneficiados…

Anónimo said...

É que quando morrer, leva toda a terra com ele.
Os invejosos são assim....

Anónimo said...

Triste mas ainda é uma realidade hoje em dia ng dá a nada a ng , se puderem ficar com o que é nosso isso quanto mais melhor agora ceder para benificia tá queto, tá...

Anónimo said...

Quando necessitar de alguma coisa,é servi-lo da mesma forma...

Lurdes Marques said...

ó pá o homem pode ter terrenos e não ter dinheiro e fará-lhe falta. e está no direito de não dar o que tanto lhe custou ganhar com o suor dele.
decerto a ele ninguém deu nada e ele responde com o troco.
não é isso que o comentador anterior disse.
pense no que diz e depois fale para não dizer asneirola.

Anónimo said...

SRª Lurdes Marques leia bem o que escrevi e interprete bem o Português por favor, veja la se o que está a insinuar foi o que eu disse ou pelo contrario exactamente o que você disse..
Ng dá nada a ninguém, sem ter nada em troca...

Anónimo said...

Se esta Senhora Lurdes Marques é a dita jornalista do Correio da Manha e do Maria da Fonte, tá visto o porquê dos jornais realmente não dar pica para os lêr, afinal nem sequer sabem interpretar o que o povo diz...

Álvaro said...

Bom dia,
Em relação ao direito de propriedade, não serve de nada discutirmos isso, o proprietário tem direito de dispor ou não do que lhe pertence. A meu ver a questão não reside aí. È evidente que ninguém vai dar o que pagou para obter e não é isso que se pretende. Agora também não era de esperar que não se consiga uma solução de compromisso. Não sei quem extremou posições, mas entre o justo valor e as demais contrapartidas, como aconteceu na mesma estrada era do interesse de todos que chegassem a um acordo. Alguém diz que no caso de não haver acordo, no futuro, a posição daqueles que defendem os interesses de todos deve ser igual, de certa forma acho que sim, quem não colabora, não pode esperar colaboração. No interesse de todos, façam mais uma tentativa de entendimento.
Com a não resolução desde diferendo ficamos todos a perder.
Quanto a asneiras todos dizemos algumas, mas tambem não me parece que seja com esse tipo de comentário que resolvemos os problemas, se não temos intenção de contribuir para a resolução, não há interesse em contribuir para o problema.
Cumprimentos.

Anónimo said...

Sugestão: Compra-se um porco e faz-se umas rifas, há ainda a possibilidade de ser entregue ao vencedor já assado...

Anónimo said...

Falem de futebol, falem do Braga.

Jornal de Notícias said...

Lugar ao sol
O fantasma transparente que vivia em casa da escritora LaranjaLima (que se inspira nos livros de autores da terra da Maria da Fonte) encontrou-se com Rumi Wilco na Amelia Station, em Londres, para discutirem a arte de saber roubar, baseando-se nos intocáveis que fizeram o programa do governo sufragado democraticamente.

Em Vilcabamba, no Equador, terra nómada onde Chavez no tiene quiere le compre el petroleo, portugueses atentos preferem descobrir as diferenças, mesmo se a verdade dói:

- Kurtes Beilhas?, arrisca o Paiva.

- Jesus!, profere o CarlosJoel, chocado.

- Deus!, sussurra o Gilfer, sem acreditar no que ouve.

- Faz lá uma boa acção, desdramatiza o JoaquimFreixo.

- Num falo mais com ele, diz o Estilista que se afasta rapidamente.

- Cuidado!, avisa-o o Des Contente e ouve-se Vrrrrrrrrruuuuuuuuuummmmm. Era o TGV.

Com uma Pedraensapatos anda a MulherLua a magicar no monstruário do JN, quando se depara com uma Papillon em cima de um Cactus e lhe pede:

- Deixa-me ir contigo Para Lá Da Lua.

- É, responde a borboleta, deves pensar que a vida é cor de rosa (fucsia). Vai mas é à 10.ª Festa do cinema francês.

E assim foi.

- Jacastou... again, proferiu, encantada com os Editors que, ao vivo, actuavam na língua de Camões.

- Estamos no fim dos tempos. No Antigo Egipto, ainda havia o culto dos animais. Agora, além da maquilhagem para homens ainda temos Omito da Korujita, ia gritando o Quelhas, tentando fazer-se ouvir acima do som da cultura da rede.

- LOLOLOL, riem todos enquanto abanam o capacete.

Anónimo said...

Onde pára o Té e o AVT ??????
Foram-se...
Acabou-se-lhes o pio.

Anónimo said...

Olhe, mesmo assim deu para aprender qualquer coisa...Olarila...

"COMO SE TRAI UM CAMARADA" said...

"COMO SE TRAI UM CAMARADA" na cama!
depois liga o marido aflito:
- você anda a fazer telefonemas à minha mulher?
- deve ser engano, eu sou o Frederico Castro deputado na assembleia da republica.
- desculpe não faz mal, pode ligar à hora que quizer.
- obrigado, você é um grande Cuuu, cavalheiro!

Anónimo said...

boa enrabada senhor Prof

Anónimo said...

o fredy é rabicho, isso é mentira.

Anónimo said...

O Té passou-se ao fresco lolo.

Alguém lhe disse umas verdades

A banda continua said...

A conferência episcopal portuguesa reuniu em Chiclayo - Peru, na América do Sul, para discutir os monólogos da vagina. Apesar de ser considerado o autor mais fraco na sua terra natal, para a reportagem, foi destacado o Quelhas, um dos críticos povoenses cujas ideias brilhantes têm vindo a ser publicadas nos blogues do leitor do JN.



Quem veio para ficar é a 10.ª festa do cinema francês que projecta esta noite o filme "Vida de Médium", com produção e argumento de laranjaLima, que conta a história de Fátima, uma estilista quase transparente, com dupla personalidade, sempre dividida entre Beyoncé vs Katy Perry.



Cansada da lenga-lenga do costume, Korujita faz um convite para o fim-de-semana ao Des Contente, conhecido pescador de rede do rio Douro, enlouquecendo a mulherLua que, descobrindo que a verdade dói, não se contém:

- Tu, quoque, fili mi? De agora em diante, estamos de relações cortadas. Brute!, passo muito bem sem ti, diz afastando-se aos gritos:

- Fucsia! Palhaços! Ide Para lá da lua!

Mas acaba por se acalmar, quando começa a ouvir uma fanfarra de pop-rock, liderada por Cagliari que já não julgava ver ao vivo:

- Jacastou... Again, diz ele, chegado de Terra Nómada, depois de ter sido vítima dum sequestro estilo camorra.



Entretanto, desaparece Claude Lévi-Strauss com Voltaire e ficam o Paiva e o Gilfer sem parceiros para a sueca. Mas, acabam por desvalorizar:

- Escritores que são, compreendamos os sérvios...



De pé atrás, está Omito, desde que o JoaquimFreixo tem como entretenimento a cultura da vida em rosa e não sai da beira da janela da Glorinha. Esta, furiosa, já lhe atirou um cactus e uma pedraensapatos, mas ele disfarçou, dizendo:

- Atenção, que estou aqui apenas para tirar alguns apontamentos sobre o IRS de 2009.

sábado, 14 de Novembro de 2009 16:43 por africanmoon

Anónimo said...

Os Blogues da Póvoa de Lanhoso estão a morrer com a gripe A, resta ainda o http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/ aproveitem para dizerem o que querem em liberdade de expressão!

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! said...

“Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias...”

Os autores e as formas que se escreveu sobre uma Heroína.

http://inovalar.blogspot.com/

O Hino Nacional da (Maria) da Fonte é uma mais-valia, idêntico, quase igual ao Hino da República Portuguesa, sendo que o primeiro é normalmente usado para saudar altos cargos militares, e ministros da República, enquanto o segundo é sempre utilizado na presença do Chefe Maior das Forças Armadas, Presidente da República Portuguesa

História com histórias, as diversas versões de autores que escreveram sobre a(Maria) da Fonte, a lenda do povo, as músicas e letras dos compositores, sobretudo a idealidade do “inspirador” e as críticas construtivas em forma de humor...

"Quelhas" poeta/crítico/escritor/jornalista

http://inovalar.blogspot.com/

vejam tudo no Blogue

Álvaro said...

Há silêncio na encosta da serra.
Então não há novidades, será que todos se recolheram com o frio ou foram levados pela enxurrada…
Começo a desconfiar de tanta acalmia em contrate com o que dizem ser as condições atmosféricas. Será que de repente tudo voltou á normalidade (marasmo). Este silêncio de alguns intervenientes habituais, deve-se a alguma conspiração ou apenas constipação? Terão sido os críticos convertidos? Andarão todos ocupados a assar castanhas, a provar o vinho e a matar o porco?
Temo que nada disto esteja a acontecer, julgo que a resposta de tanto silêncio possa ser simplesmente solidariedade, solidariedade dos vencedores com os vencidos, dos afortunados com os mal aventurados.
O que nos divide, também nos une, a diferença é apenas a gravidade dos acontecimentos. Até hoje nunca vi ninguém, que apesar das desavenças, não tenha ido em socorro do seu vizinho em situações aflitivas. Será este sossego e na impossibilidade de ajudar, apesar de tudo que os separa, uma manifestação de solidariedade? Teria sido muito melhor se as quezílias não tivessem sido interrompidas, era sinal que quase tudo estava bem na encosta da serra…
Álvaro

Ninguém é Deus! 1 said...

Mas podem tentar mudar…

Quelhas

O NOSSO PODER AUTARQUICO, não faz milagres, no entanto atrevo-me a dizer o seguinte:
Façam uma grande campanha aos jovens povoenses, incentivem, façam-lhe ver que a Póvoa é dos povoenses e que fiquem, invistam e comprem por cá, etc...
A Autarquia povoense sabe, que os jovens saem do concelho para irem em busca de melhores condições de vida.
Depois como é lógico ficam a morar onde estudam ou trabalham.
Aqueles que moram na Póvoa de Lanhoso, dizem; Vou comprar fora, porque, junto o útil ao agradável.
Sabem o que isso quer dizer?
Apenas e só resume-se; Na Póvoa de Lanhoso não existe grandes superfícies com bar, montras e cinema, entre outros.
Depois, sai-se de casa e vai-se passear, ao mesmo tempo fazem as suas compras, ainda por cima mais baratas!
Não levem a mal, aquilo que quero tentar transmitir, não passa de uma simples opinião.
Julgo e digo mesmo, que, em vez de haver meia dúzia de Hipermercados, deveria haver só um, do género do (Braga Parque ou Braga Shopping), com Hiper e anexo com lojas, cinema, bar e um bom ambiente familiar.
Já comentei sobre o pequeno comércio; Vejam o meu raciocínio, se houvesse apenas uma grande superfície comercial, em vez de Hipermercados, ficavam a ganhar os pequenos comércios locais.
Simples: As pessoas juntavam o útil ao agradável, já não saiam do mercado povoense, depois havia a necessidade de fazer compras, julgo que assim as pessoas dividiam-se pelas pequenas lojas.
Quando falo em lojas, falo em existir todas as lojas existentes na vila abertas.
Não somente abertas, era bom que fossem abertas durante a Semana e Domingo par atrair gente a movimentar a vila, e, por exemplo, folgar à segunda-feira.
Só isto não chega, a Autarquia tem de fazer mais, desde o incentivo ao procedimento; Já sei, ninguém é Deus, mas, podem tentar a longo prazo.
Regra geral, andam todos com fome de dinheiro, explora quem poder explorar, as rendas são uma autêntica desgraça, sempre a subir e as lojas a fechar!
Há que por travão nas rendas, e não cobrarem taxas aos lojistas, como por exemplo, Publicidade, etc...
O Governo da República portuguesa mandou milhares de Euros a fundo perdido, para ajuda ao desenvolvimento, as pessoas não são informadas para esse fim devidamente.
Aqueles que o fizeram com fundos comunitários, exerceram e permaneceram com os comércios abertos até ao limite que o governo decretou e depois fechavam.
Sabem porquê?
Não houve fiscalização, os proprietários investiram o dinheiro noutros bens, em carros comerciais, etc…

Ninguém é Deus! 2 said...

Mas podem tentar mudar…

Quelhas

A Autarquia tem de incentivar a população, tomar medidas quanto aos Hipermercados e dividir num só, fazer reabrir as lojas com ajudas comunitárias, existir uma entidade competente para que tudo funcione sem haver aldrabices.
Ainda não acabei, no mínimo cada loja emprega uma pessoa, contem quantas lojas existem na vila povoense?
Uma grande superfície comercial emprega para cima de cem pessoas.
Cada pessoa que trabalhe e viva na Póvoa e tenha algo que as prendam por cá, ganham e também gastam por cá, em dias de trabalho cada empregado come no mínimo uma refeição fora, enchem os restaurantes e cafés.
Começa a haver movimento entre comércios e pessoas, a Póvoa começa a crescer lentamente e ao fim de dez anos não terá panos para mangas!
Devem estar a pensar, e como é que a Póvoa de Lanhoso evolui em tão pouco tempo sem indústria?
Essa é que é essa, começando a existir movimento, também a Póvoa cativa investidores para virem para cá e dar emprego aqueles que não tem, e trazerem de volta aqueles que trabalham fora.
Temos também uma terra rica em agricultura que pode ser desenvolvida, e dará muita fartura para os povoenses em tempo de crise, para além de qualidade de alimentos.
Estas coisas só com tempo, é preciso tomar medidas, sem medidas é estar parado no tempo que adormece.
A juntar tudo isto, desenvolve mais a cultura, as gentes e os pensares que ainda estão aquém daquilo que é uma realidade nos grandes centros Urbanos.
Ainda temos muita coisa boa para discutir, só que depois não cabia neste espaço que estou a comentar, e deixo alguma coisa para os outros comentarem, deixei algumas dicas para poderem concordar o discordar e dar aqui, quem sabe um real discussão…
Tenho dito caros leitores

Anónimo said...

Cheguei a crer numa nova geração de políticos…
Permitam-me que exponha aqui uma situação que na minha maneira de ver é no mínimo indiciador da forma de ser de alguns. Passo a descrever:
Durante a campanha eleitoral, escrevi uns quantos comentários em desfavor da lista do PSD de Ajude, mas uma vez que estes para poderem ser publicados têm de passar pela peneira do autor do Blogue, estes simplesmente não foram publicados. Responderam dizendo que o Blogue era de campanha e tinha como finalidade o apoio á lista, tudo bem…
O dito blogue foi encerrado e agora existe outro, voltei a carga e disse para comigo, bem agora vou poder expor a minha opinião. Consiste basicamente nisto: Não reconheço perfil adequado ao actual presidente da junta, devido a atitudes que tomou ao logo da campanha eleitoral, que não o comprometem apenas a ele, mas comprometem a classe politica. Gente desse calibre devia estar desacreditada.
Para meu espanto este novo Blogue também filtra antecipadamente os comentários. Posteriormente darei aqui conta se o comentário foi ou não publicado.
Viva o lápis azul.

Os meus parabéns a este Blogue.

João Gonçalves said...

A Autarquia povoense pode evoluir a Póvoa de Lanhoso.
Fazerem ligação ferroviária de Braga à Póvoa de Lanhoso, mas não tragam o TGV!
Fazer um Aeródromo nos campos do Meio kg, lugar mais plano e espaço para aproveitar a vila a crescer.
Trazerem para a vila e arredores, um Tram eléctrico para passearem os turistas.
Colocarem dois teleféricos, vai a vem, para o alto do castelo de Lanhoso.
Fazerem ligação ferroviária a Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto e Gerês, com horários de trabalho.
Porem no ar, a Lanhoso TV em directo, aos fins-de-semana e feriados, entrevistar o povo e os forasteiros em directo.
Comprar o Jornal ao Zé Abílio para termos um jornal isento, meter como jornalistas, a Berta Carvalho, a Lurdes Marques, o Zé Abílio e o Quelhas, que lá está, se ele aceitar…
Comprar a rádio 93,5 FM, ex. Castelo de Lanhoso e trocar o nome para Terras de Lanhoso, igual à extinta rádio e, meter as pessoas que estavam nesse projecto, que viram mais tarde ir por água abaixo.
Colocar de vez em quando, uns comes e bebes, para animar a malta.
Por ultimo, o senhor presidente deveria de vez em quando dar autógrafos aos contribuintes que visitassem a vila.
Nada é impossível?

Anónimo said...

Será que a gripe A foi geral? Não escapou ninguém ou o pessoal está em hibernação?
As melhoras...

José Abílio said...

as prioridades principais para os povoenses são a saúde, depois o emprego.
com estas duas medidas, está-se a um passo para o sucesso social e laboral.
tudo que venha depois destas, é por acrescimo, a cultura vem só lá para o fim, quando ela neste momento está a ser prioridade para a Autarquia.

Anónimo said...

Boa tarde,

Venho desta forma protestar, pela falta de limpeza dos camiões que fazem a recolha do lixo no concelho de Amares. Sempre que tenho a pouca sorte de um destes veículos circular a minha frente, tenho por vezes de parar para poder respirar tal é o cheiro nauseabundo que deles emanam. Aproveito ainda para alertar para o perigo que constitui os resíduos líquidos que estes vertem na via. Quando houver um acidente, espero que alguem se lembre de investigar esta vertente… Bem sei que a água é pouca durante o verão mas podiam fazer o esforço de os lavar de quando em quando. Os restantes utilizadores da via pública agradecem, e a imagem dos serviços camarários melhora significativamente.
Agora que está a chover, por favor deixem-os á chuva.

João Gonçalves said...

A Autarquia povoense pode evoluir a Póvoa de Lanhoso.
Fazerem ligação ferroviária de Braga à Póvoa de Lanhoso, mas não tragam o TGV!
Fazer um Aeródromo nos campos da Veiga, lugar mais plano e espaço para aproveitar a vila a crescer.
Trazerem para a vila e arredores, um Tram eléctrico para passearem os turistas.
Colocarem dois teleféricos, vai a vem, para o alto do castelo de Lanhoso.
Fazerem ligação ferroviária a Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto e Gerês, com horários de trabalho.
Com estes projectos vem o progresso!
Será impossível daquia uma ou duas décadas?

Anónimo said...

Sr Presidente queremos ver mudanças estamos com sede de mudanças mostre que de facto quer o melhor para São joão de rei até agora nao vi nada e existe muitas coisas simples de serem mudadas.
Comece por fazer algumas pois caso contrario daqui a 4 anos nós teremos novamente a opção de escolha..
Ou já está arrependido de se ter candidatado ?

anonimo

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! said...

Publicidade:
O número 100 é meu!

"Os Blogues da Póvoa de Lanhoso estão a morrer com a gripe A"

Comunico que o Spital Waid, em Zürich, ofereceu-me 2 vacinas, uma para a gripe A e a outra para a gripe Schweine.

Álvaro said...

Concordo com a opinião do anónimo que reclama mudanças.
A primeira até já aconteceu, mudou o Presidente.
Claro que todos estamos ansiosos por ver mudanças, mas para que não sejam mais do mesmo é necessário planear e ponderar, o que se quer ou não fazer e se há com que as fazer.
O tempo de fazer e desfazer só para manter o pessoal quente, espero que tenha acabado.
Há muitas coisas simples que podem ser mudadas?
Como decerto é sua intenção ajudar a criar uma freguesia melhor, diga quais são, para quem tem a obrigação de as por em prática não venha depois dizer que não as realizou por as desconhecer. Que não as concretize por falta de meios, temos de aceitar, mas por desconhecimento, a culpa é apenas nossa.
Fazer agora, porque daqui a 4 anos vamos votar, não me parece válido. Agora daqui a 4 anos se não houver nada feito, concordo consigo, vamos votar…
Terá o anónimo mais informação que a maioria da população, para poder equacionar o arrependimento do até á pouco candidato? Eu com a informação que disponho, não percebo como alguém se pode arrepender, quando ainda nem um mês passou após a tomada de posse…
Vou armar-me em Sherlock Holmes,
Pela hora a que enviou a sua mensagem: tem insónias, trabalha de noite ou encontra-se fora do país, poderá mesmo estar fora da Europa, um bom trabalho ou boas férias e uma boa viagem de regresso.
Álvaro

Tô Feliz (Matei O Presidente)
Gabriel Pensador
Composição: Gabriel O Pensador
Atirei o pau no rato
Mas o rato não morreu
Dona Rosane, admirou-se do ferrão
Três-oitão que apareceu
Todo mundo bateu palma quando o corpo caiu
Eu acabava de matar o Presidente do Brasil
Fácil um tiro só
Bem no olho do safado
Que morreu ali mesmo
Todo ensanguentado
Quê? Saí voado com a polícia atrás de mim
E enquanto eu fugia eu pensava bem assim:
"Tinha que ter tirado uma foto na hora em que o sangue espirrou
Pra mostrar pros meus filhos
Que lindo, pô"
Eu tava emocionado mas corri pra valer
E consegui escapar
Ah tá pensando o quê?
E quando eu chego em casa
O que eu vejo na TV?
Primeira dama chorando perguntando (Por quê?)
Ah! Dona Rosane dá um tempo num enche num fode
Não é de hoje que seu choro não convence
Mas se você quer saber porque eu matei o Fernandinho
Presta atenção sua puta escuta direitinho
Ele ganhou a eleição e se esqueceu do povão
E uma coisa que eu não admito é traição
Prometeu, prometeu, prometeu e não cumpriu
Então eu fuzilei, vá pra puta que o pariu
.....

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

Olá
Sr: administrador, julgo ser de importância termos um elo de ligação entre Blogues?!

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

Mais um caso que veio ao de cima! Desta vez foi a ex. junta de Vilela; Porque é que atacam os derrotados? Amigos, em democracia e liberdade de expressão, tenho direito de me manifestar, aqueles que gostam e aqueles que não gostam… Está visto que o jornal Terras de Lanhoso não inventou a dívida da antiga junta de Vilela, alguém da nova junta deu a notícia para o jornal. Julgo que mal! Lembrem-se que o senhor presidente Baptista disse: “Para o ano irei fazer aquilo que todos fazem”. Pois bem, a ser verdade uma dívida deixada pela junta a outra junta da mesma freguesia, é perfeitamente normal, até porque a equipa do PS estava convicta que ia ganhar para o PSD, embora enganando-se! Agora exclamo, porque não dizem o motivo da dívida!? Com certeza que essa dívida não foi ao acaso, sabem muito bem que a maioria das juntas e municípios fazem mais obras nos últimos meses, que no ano todo, ou seja, dão início e muitas das vezes nem acabo atempadamente, sabem porquê? Para ganhar as eleições! Depois teem mais quatro anos para liquidar contas… Nada está perdido! Isto são jogadas políticas, e penso que a herança dessa dívida por parte da nova junta, resume-se a zero, pois a dívida é da freguesia e continua a ser da freguesia e não da junta, a junta é apenas um órgão que gere os dinheiros públicos para fins que competem às freguesias. A nova junta liderada pela senhora Armandina, tem o dever de assumir tal dívida, respeitante à freguesia de Vilela, pois terá o mesmo direito de a contrair pela freguesia a que foi eleita democraticamente, daqui a quatro anos e ficará quites! Lembro que a Câmara Municipal, fez um empréstimo, no qual ficou a contrair uma dívida ao banco! Neste caso em concreto, a freguesia de Vilela, deu um saldo negativo ou uma dívida, não sei muito bem, porque qualquer um pode ter bom saldo na conta e ter dívidas! Contudo falo numa dívida a terceiros, não faço ideia se ao banco ou a empreiteiros, até porque quem fez sair a notícia nas páginas dos jornais e Blogues deveria se explicar, mas foi só com o intuito de fazer mal, e dizer mal de uma junta de bem à altura de Vilela, não quero dizer que a nova junta não seja, ainda tem tempo para o mostrar, ainda mais que é da cor da Câmara… Qual é a diferença de fazer um empréstimo ou contrair uma dívida a terceiros?! Só para terminar, a mim pagaram-me 60 livros, não ficaram a dever nada, vem o terceiro, “Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias...”, espero que a nova junta faça o mesmo pela cultura povoense. Um abraço democrático aos vencidos e vencedores.

Povoense said...

Eu, dou como sugestão, a radio local da Póvoa, transmitir todas as intervenções que o deputado Frederico Castro tem na assembleia da República, dado que não posso estar em Lisboa quando ele intervir no plenário. É possivel??

Álvaro said...

Quando o tema é dívidas, quem as não tem…
Há uma forma muito simples de não haver dívidas no fim dos mandatos, independentemente (já parece o Paolo Vento) das cores partidárias e de as despesas serem correntes ou de investimento. Cada presidente de junta devia ser obrigado a criar uma empresa prestadora de serviços… Senão vejamos: Se as obras a realizar forem executadas por essa empresa, (propriedade do presidente) em vésperas de eleições este pelo sim, pelo não, terá certamente o saldo regularizado. Não vai correr o risco da futura administração não saldar a dívida…
Afinal, ele há Homens de visão, que são injustamente satirizados, mal amados, vilipendiados, incompreendidos, só porque não explicam as suas acções…
Deixem-me aproveitar este espaço, para agradecer à Jacqueline do rego fundo as castanhas que me comprou, aproveito também para divulgar que ainda tenho alguns artigos para liquidação total, pelo que aceito propostas.
Inventario:
Artigo 1º:Porco de 2 anos, que com mais 60 kg pesará 75 kg,
Artigo2º: Par de Galos com preferência sexual, Assim, Assim…,
Artigo3º:Galinha, acompanhante de luxo… 350€ /hora, com reserva de admissão, ao Domingo encerra para descanso semanal.
Artigo 4º: 40 Livros adquiridos ao peso, especialmente concebidos para embrulhar castanhas, aprovados pela ASAE.
Nota: Os restantes artigos só estarão disponíveis após estes terem sido transaccionados.
Sem abusar da vossa paciência, permitam-me deixar aqui um alerta:
Sempre que alguém os abrace ou os cumprimente DEMOCRÁTICAMENTE, por amor á Santa, desconfiem...
Bom fds.
Álvaro

Anónimo said...

Desculpem a minha ignorância, mas os últimos meses, não pertencem ao ano todo?
Por favor, façam uma correcção mínima antes de publicar.
Qualquer dia fazem-nos um nó nos neurónios.

Anónimo said...

Uma divida a terceiros, não é preocupante, agora uma divida ao primeiro ou segundo pode indiciar a existência de actividades duvidosas, ou mesmo preferências masoquistas…

Prof. said...

terceiros, igual a pessoas no subjectivo "nome" que não descreveu aos terceiros

Quelhas said...

Braga

Concorrência provoca "saldos" na prostituição

não varem com a situação!
estou a viver mesmo em frente a uma casa de meninas
apesar de só lá ver a entrar "putos friques e homens de gravata" elas, nas horas mais mortas abrem a janela, e quase nuas, convidam indiscretamente quem passa nos passeios
esta casa situa-se nos arredores de Zürich, mas, existe milhares de casas particulares na cidade, com mulheres lindíssimas a vender o corpo.
A cidade de Zürich foi evadida por caravanas, que se estendem ao longo da estrada, chova, vente ou faça Sol, lá estão elas de mini-saia, “até a barraca abana” fala-se muito em Langstrasse, rua das meninas, drogas e alcoólicos, no contexto existe por todo o lado, a maior parte delas são meninas chiques, são colectadas como mulheres de rua, bar, restaurante e como putas, pagam impostos.

Anónimo said...

SR Álvaro obrigado pela preocupação mas graças a Deus ainda sou novo para poder ter insónias, pois a minha cabeça para já está limpa de preocupações, gosto sim de andar de Noite e peça noite dentro pois é quando se consegue ver muita coisa :)

Depois para satisfazer a sua curiosidade sim estou fora mas muitas vezes cá kakaka..

fique bem
A.R

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! said...

Amigo Euclides “Cavaco” poeta de sonhos
Uma pequena Homenagem

Quelhas


Euclides Cavaco, amigo
Homem de grande valor
Faz dos poemas declamados
Palavras e melodias d’amor

Euclides Cavaco, amigo
Confunde também corações
O povo está contigo
E com tuas canções

Euclides, Homem de talento
Contamina os apaixonados
Com palavras ao vento
Nos seus Links dourados

Euclides, suas obras literárias
São livros evidentes
Tem menções honrosas
E ideias convincentes

Euclides na média
E muitas dedicatórias
Uma rica Biografia
E propostas calorosas

http://www।euclidescavaco.com/

LANHOSO TV said...

Esclarecimento e pedido

Ex. Mo (s) senhor (s) LANHOSO TV

Quelhas

Esclarecimento: Caríssimos, venho por este meio pedir um esclarecimento sobre o seguinte: Como podem evitar que, não deixemos de ouvir um programa, caso do relato da Maria da Fonte vs Valenciano, quando se Clica numa hiperligação de notícias, imediatamente deixa-se de ouvir, porque entramos noutra programação de notícias?!
Devo dizer que este jogo teve muitas interferências, e gostaria de saber se este e todos os programas são em directo ou repetidos, e o que se pode melhorar?
Se me permitem, gostaria de saber quem é a pessoa ou colectividade que está a gerir a LANHOSO TV, quem faz os relatos, e quem faz todas as gravações tecnológicas?
Nota: Já me apercebi que, a foto Pitães, está a fazer cobertura de imagens deste jogo e dos patrocinadores que estão associados ao projecto!
Apercebi-me e, não devo estar enganado da voz do Bílinho a sob relatar em cima do relatado, ouvi quando o golo do Maria da Fonte, este tinha dúvida, esperou o relatado principal do jogo e corrigiu quem marcou o primeiro golo da partida…
Também tenho a percepção, que a Câmara Municipal está neste projecto da LANHOSO TV!?

Pedido: Sou o administrador dos Blogues seguintes:
http://inovalar.blogspot.com/
http://olivrodacrianca.blogspot.com/
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/
http://jn.sapo.pt/blogs/quelhas/default.aspx
http://autodidactajorgecampos.blogspot.com/
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/
Gostaria de fazer uma entrevista virtual para colocar em três deste Blogues; Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! & Sporting Clube de Braga de Zurique & Jornal de Notícias, para além de dois ou três jornais na Suíça.
Caso estejam interessados em responder, tanto ao esclarecimento, assim como à entrevista, seria bom para ambas as partes, aguardo resposta.

Zürich, 22 de Novembro de 2009
João Carlos Veloso Gonçalves

Anónimo said...

Olá Sr Álvaro não o tenho visto nem de noite nem de dia kakaka...
Apesar de eu andar tanto de noite como de dia..

Vamos la malta venham dai essas ideias, Sr administrador tem colocar mais algumas coisas novas para inovar este blogue isto parou no tempo ?

a.r

Álvaro said...

Sr.ª ou Sr. A.R,
Satisfaz-me saber que não tem insónias, aproveite bem este tempo livre de preocupações, se tudo correr como é de esperar, isso irá acabar, feliz ou infelizmente. Eu já não posso dizer o mesmo, já vou tendo algumas insónias…
Estava a espera das suas ideias...
Veja bem como as coisas são, eu até de dia já tenho dificuldade em ver certas coisas… e ultimamente ao que sei, ainda bem que não me desloco de noite na freguesia, corria o risco de me perder na penumbra. Terá havido um boicote de iluminação pública a certos lugares, ou não passa de mera coincidência? Uma avaria da EDP que já existia a 8 dias começa a revelar uma falha em qualquer lado…
Terá o nosso governo descoberto a pólvora? Esta falta de iluminação irá rodar para tocar a todos? É uma medida de incremento da natalidade ou um incentivo à redução do desemprego entre os amigos do alheio?
A menos que a conta não esteja em dia, é inadmissível esta situação.
Imaginem o alvoroço que deve estar a provocar no mundo dos morcegos, antigamente, cada um tinha o seu poste, a sua lâmpada, a sua fonte de alimento, estes territórios de alimentação foram destruídos pela incúria dos homens. Por respeito aos morcegos, devolvam-lhes a sua fonte de subsistência…Eles tal como os touros, devem ser protegidos…
É com tristeza que tenho constatado que praticamente já ninguém se manifesta neste espaço. (Té; A.V.T.;S.J.R;Foradalei;Anonimo…)
Devo reconhecer que ao contrário do que esperava, aqueles que apregoavam uma morte prematura, talvez tivessem razão…
Serão os votos de Bom Natal o canto do cisne?
Cumprimentos e lembrem-se os morcegos…
Álvaro

Álvaro said...

Na sequência da sua reclamação:
Ao senhor de meia-idade que adquiriu a galinha, devo informa-lo que apesar das suas insistentes e repetidas tentativas de devolução desta, a gerência não aceita devoluções de artigos íntimos. È favor liquidar a factura, para que não tenhamos de recorrer ao nosso departamento de contencioso. Os galos, apenas lhe serão entregues mediante a apresentação de um termo de responsabilidade, em que se comprometa a esperar que estes atinjam a maioridade…
Estamos sempre ao dispor dos estimados clientes,
Cumprimentos,
Álvaro

Exmo. Senhor João Carlos. said...

Exmo. Senhor João Carlos.
Em primeiro lugar deixe-me agradecer o seu contacto e interesse na LANHOSO TV.
Ora Bem vamos ao que nos solicita:
1. Quanto ao deixar de ouvir quando clica numa noticia , puderá fazer o seguinte..tentar abrir uma nova janela clicando no lado direito do seu rato.
2.Quanto ao jogo ter tido muitas interferências pode-se dizer que o dia em si tambem nao ajudou muito e as condições no Campo do Maria da Fonte derivado á chuva obrigou-nos a usar uma Pen de banda Larga mas mesmo assim e repito derivado ao tempo a emissão nao foi la grande coisa, desde ja as minhas sinceras desculpas.
3.Para ja todas as nossas emissões serão em directo ficando depois em emissão a correr 24 Horas.
4.Quanto á sua pergunta de quem está a gerir a LANHOSO TV e como ja li em varios sitios a dizer que era um Senhor com o Nome de Manuel Araujo...pois esse Senhor nada tem a ver com este projecto, para ja quem dirige este projecto sou eu Manuel João, onde a Camara Municipal da Povoa de Lanhoso NÃO ESTÁ para inserida , mas atenção era com muito gosto aceitariamos não a inserção da mesma (derivado a politiquices) mas sim pelo menos algum apoio.
Queremos com este projecto levar ate junto de todos aqueles que estão longe toda a informação da sua terra natal.
Mas atenção que este canal onde as ideias nascem como cogumelos , vai ter uma programação muito variada desde informação com 2 noticiarios diarios, concursos, debates, programas de entretenimento, mas.. tudo isto vai aparecendo com o tempo e com o feedback de quem puderá ou não nos apoiar.
Quanto á Voz que diz em fundo é o Abilio de Carvalho ja que le agora é o Speker no Campo dos Moinhos Novos.
Quanto á entrevista teremos todo o gosto em a ceder bem como deixar aqui ja um convite em puder contar consigo para tamebm o pudermos entrevistar,fica a promessa.

Sem Mais de Momento
Atentamente

Manuel João

Quelhas said...

Olá.
Caro Manuel João, antes de mais, quero lhe agradecer pela sua espontaneidade, à resposta do meu e-mail.
Em primeiro lugar, quero-lhe pedir, se permite colocar estas conversas de troca de ideias via correio electrónico nos Blogues?
Então vou preparar uma entrevista virtual consigo e amanhã responda-me se faz favor.
Seguido, coloco em três Poste no Blogue em dias diferentes, e, em Janeiro 2010 colocarei a entrevista, pelo menos num dos jornais que escrevo mensalmente.
Tem de me enviar um Link ou uma foto para anexar à notícia no jornal.
Por minha parte estou feliz, pela sua iniciativa de fazer chegar frequentemente imagens ao estrangeiro através da LANHOSO TV.
Espero sinceramente que o projecto vá para a frente.

Citando direccao as11532051c@lanhosotv.com

Pois da minha parte, gosto de promover a minha terra, a nossa cultura e as nossas gentes, embora cada um siga caminhos diferentes e muitas vezes sozinhos por orgulho, quando devíamos numa terra pequena, sermos mais unidos por aquilo que nos une.
Somos uma terra fragilizada de pessoas, que não sabem muito bem o que querem e, não deixam ou não ajudam a progredir quem tem ideias, caso da LANHOSO TV.
Digo isto, porque não sou leigo e sei perfeitamente que, quem se mete num projecto destes, precisa de apoios monetários e de boas palavras de consolo para ajudar à morar.
Tenho dito.
Um abraço.
Quelhas.

www.lanhosotv.com said...

Ola Sr.João Carlos da Nosso Esteja á Vontade pode colocar sem qualquer problema.
em anexo envio o Logo da Tv e o link que é www.lanhosotv.com
Um Abraço
Manuel João

Anónimo said...

Boa tarde

Tb já me deparei com a fallha de luz que existe aqui na nossa terra.
Mas, expondo um comentário, ouvido, a falha deve-se ao acumulamento das facturas,e pelo que se consta, os troquinhos pretos que a antiga Junta deixou para esta, não chegam para pagar novamente, o muro ao Sr David. Por isso o Sr, vai ter que suportar novamente a despesa, se quer o canteiro com flores no próximo ano.
Ou então pedir ao Sr., que deu ordem de acção, para lhe pagar porque é o mínimo que pode fazer, depois de saber que este iria ficar lesado.

Anónimo said...

Ao interveniente anterior, era capaz de explicar de modo mais simples. Não pode ser como diz falta de pagamento...

Anónimo said...

Eu tb não percebi, já pagaram e vão pagar novamente. A luz, o muro?

Anónimo said...

estes tres ultimos comentários sao mt pobrezinhos, ninguem percebe nada, ainda por cima dá cabo do blogue.

Anónimo said...

Ninguém vai pagar nada, se calhar não entenderam o português aí escrito.
Então o anónimo disse que segundo se consta, e é porque alguém abriu a boca da Junta (e muito bem porque nós precisamos de saber o que se passa, já é tempo de nos informarem), não há dinheiro, as contas ficaram no mínimo dos minimos, então em tom de brincadeira(penso eu) o Sr. anónimo disse que o valor é inferior ao custo da construção do muro, bem isto no meu vêr é uma piada (picada). Entenderam? A luz, como não há, supostamente, deixaram de a pagar. Não há dinheiro, não há luz e não há vicios.....

Álvaro said...

Parabéns aos aniversariantes…
Faz hoje cinco anos desde a 1º sessão do julgamento da casa Pia. Esta data deve ser comemorada. Vamos juntar o pessoal e fazer uma festa, uns levam doces, outros salgados, as velas, as bebidas ofereço eu. Agora é necessário saber quem tem conhecimentos lá para os lados da assembleia da república, para arranjar os miúdos…
Afinal se nos proteger-nos com os contraceptivos habituais, nada de mal nos pode acontecer, a menos que:
Não sejamos políticos; não tenhamos influência sobre os deputados, para legislarem segundo a nossa necessidade (talvez alguns culpados ainda lá estejam); não recebemos € suficientes dos impostos dos contribuintes, para contratar os advogados mais caros, alguns dirão os melhores.
Se tivermos as qualidades atrás referidas, vamos comemorar…
Quanto aos outros: “ Quem tem cu, tem medo.”
Álvaro

S.J.R. said...

Sr Álvaro falar nesse assunto a mim arrepia-me, é o Portugal no seu melhor, nunca se saberá a verdade e os verdadeiros culpado nunca serão castigados disso tenho eu a certeza, é como a corrupção na politica, é tudo a "Mamar" tudo a roubar e nós é pagamos a factura, infelizmente é o nosso Portugal.
Está tudo camuflado eles encobrem-se uns aos outros e o desgraçado é sempre o mesmo, cada vez mais acredito no Apocalipse o Mundo tem mesmo que limpar e ficar só os que realmente conseguem voltar a construir um Mundo melhor porque caso contrario a extinção é o nosso fim o do ser Humano.

O tempo não me deixa estar por aqui o que eu gostaria mas, este blogue não morrerá isso garanto, logo que possa irei colocar mais alguns acrescentos aqui e se alguém tiver ideias da época natalícia mande para cá que eu divulgo e coloca no blogue

um bem haja e muito me preza ver por cá Sr Álvaro alguém que nas palavras pelo mesmo parece ser a cima da media.

um bem haja
S.J.R.

Anónimo said...

Boas a todos, para quem quiser concorrer aos Serviços Prisionais, está aberto o concurso, ao contrário dos outros que tem aberto este vai ser misto, ou seja, são 45 vagas para mulheres e 255 para homens, a quem interessar, fica aqui o aviso:

Aviso n.º 20855/2009. D.R. n.º 224, Série II de 2009-11-18

Ministério da Justiça - Direcção-Geral dos Serviços Prisionais - Direcção de Serviços de Gestão de Recursos Humanos

Abertura de concurso externo de ingresso para o preenchimento de 300 postos de trabalho da categoria de guarda, da carreira do pessoal do Corpo da Guarda Prisional, do mapa de pessoal da Direcção-Geral dos Serviços Prisionais

http://dre.pt/pdf2sdip/2009/11/224000000/4688746893.pdf

Cumprimentos

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

Boa tarde caros administradores de blogues.

Obrigado por adicionarem meus Blogues pela promoção.

Um pedido, gostaria que metessem o nome original dos meus Blogues, designados por;
Terras das (Marias) da Fonte ou fontanário
Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor!
Inspiração do Compositor
O livro da criança

Os vossos Blogues já fazem parte da lista de;

Links e Parcerias pela Promoção, Marketing, com Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, histórias com histórias...

http://inovalar.blogspot.com/

http://araujo.wordpress.com/
http://alisenao.blogspot.com/
http://inovalar.blogspot.com/
http://saojoaorei.blogspot.com/
http://www.portugalmusica.com.pt/
http://olivrodacrianca.blogspot.com/
http://lanhosotv.no.comunidades.net/
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/
http://jn.sapo.pt/blogs/quelhas/default.aspx
http://autodidactajorgecampos.blogspot.com/
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

Pela união e cultura, e para que chegamos todos mais longe, adicionem os vossos Blogues, eles entram na minha lista, adicione e comunique. Obrigado.
Quelhas autor do Mundo

http://inovalar.blogspot.com/

Crédito Agrícola Póvoa de Lanhoso said...

Crédito Agrícola, o banco que arranja meios para atingir fins.
Quer dizer, isto, resume-se a despesas que o cliente não sabe muito bem de onde elas bem!
Imaginem 15,00 € por mês a cada cliente, quantos milhares de euros dá ao fim do Ano?
Uma grande prenda do Pai Natal, que o sortudo do CA tira de lucros fora os lucros, entendeu?
Dá bem para pagar férias aos funcionários e o décimo terceiro mês e, não custa nada, pago eu, pagas tu e paga você!

Despesas
7,80 €
¬+2,00 €
+0,20 €
5,00 €

TOTAL
15,00 €

JCVG

Anónimo said...

Boa tarde,

alguém me pode informar, como devemos fazer para nos cadidatarmos a algum posto de trabalho na junta de freguesia? Ou então, se vão abrir vagas, para lá?
Gostava de saber, porque tebho familiares no desemprego e teriam uma oportunidade, uma vez que a Junta mudou e que não vão fazer como os anteriores a selecionar as pessoas pessoalmente.

AVT said...

Caro Álvaro,
Cumprimento-o, por não se esquecer de certos nomes de personagens que vinham a este blogue.
Sou o AVT e digo-lhe que deixei de intervir, e só o faço agora porque é para o sr. saber que as pessoas estão vivas e atentas.
Deixei de comentar, porque para além de muitas burricadas que aqui se escreviam, fiquei de certo modo cansado de ver comentários infrutíferos acerca da tal vedação no lugar do cabo a dita "arena" do tipo do Porto de nome Aleixo, e nada ter surtido efeito.
Porque afinal de contas não passo muitas vezes lá, pouco me interessa, mas tenho pena que a junta nada tenha feito.
Votei na nova junta, e esperava que fosse destemida e tivesse coragem de enfrentar os problemas mas, afinal ficou-se ou está-se marimbando.Em S.João de Rei, vale a pena transgredir porque existe a lei da selva.
Por essas e por outras é que não opino neste espaço.
Boa noite e boas festas.

Inspiração do Compositor said...

Weihnachten Ghost

Weihnachten ist nicht mehr, was es war
Bereits dort war die Zeit des Kindes
Bereits dort war die Zeit des Glaubens
Was ist "I" hat in der Kindheit

Nun ist die Live-Geist von Weihnachten
Das, das ich "glaube ich nicht
Er verbrachte eine Saison Artificial
Für alle Jugendlichen

Word Weihnachten, für was?
Ist dies ein echtes Weiß
Erwachsene wissen, warum
Was ein Kind fühlt sich

Es ist Zeit, dass es
Und Weihnachten war sinnlos
Die Menschen sind wütend
Und die Welt ist verloren

Heute, Weihnachten Werke
Mit dem Handel von Geschenken
Betriebe stopfen
Bei so vielen Bestellungen

Innerhalb der Familie, dann
Wenig oder gar nichts funktioniert es jedenfalls
Zu Weihnachten ist ein P'ra jeder Seite
Und unsere Häuser sind eine Wüste

Zu Weihnachten Abendessen, schließlich
Viel Luxus ist offensichtlich,
Nur wenige erinnern, du und ich
Viel weniger ein krankes Familienmitglied oder einen Freund

Für einige gibt es reichlich
Das ist viel am Ende übrig bleibt
Übernahm, die Bettler
Und die Armen in der Welt begangen

Brot-Kuchen auf meinem Block - schrieb ich
König Kuchen auch - ich bestellt habe
Böen genug - Comi
Kartoffeln nicht sehen - ich krank

Cod. genug - gefüllt
Kale Sträußchen - Sobra
Polvo aß und aß - gegessen
Kid war so viel zu legen - Gast

Und es ist viel, und ich schrieb den Umfang, die mich zu diesem Schluss kommen ...

Álvaro said...

Antes tivessem feito Fim-de-semana prolongado…

Após um fim-de-semana para alguns prolongado nada melhor que boas noticias. A Câmara Municipal, resolveu brindar-nos com um presente de Natal.
Como estamos em quadra Natalícia e talvez na esperança de afogar as más notícias em Champanhe, presenteou os seus estimados munícipes com um aumento da taxa de IMI em: 62.5%(0.4% para 0.65%) e de 50% (0.2% para 0.3%) consoante os prédios tenham sido avaliados antes ou depois da entrada do CIMI.
Para que o presente fosse completo estas taxas aplicam-se ao ano de 2009, apenas lamento que com elas não tenha vindo o abastecimento público de água e saneamento.
È verdade que esta medida não deveria ser de estranhar, afinal há ou vai haver muitos apoios sociais e passeios para todos. Qualquer dia quem necessita de apoio sou eu…
Não me parece que com medidas destas se esteja a promover a fixação da população no nosso concelho.
Alguém vai ficar sem prenda este ano…
Não tinha sido melhor terem feito um fim-de-semana prolongado?
Frohe Weihnachten
Álvaro

Anónimo said...

As taxas do imi subiram, mas mesmo assim estão mais baixas que no ano de 2007. Não se deve esquecer que era o PS que dominava a Assembleia e acabava sempre por fixar as ditas taxas. No ano de 2008 baixaram as duas taxas para o minimo ( as eleições eram em 2009 ) e sempre podiam recolher alguns votos, quer na Póvoa quer para o Socras.
Foi uma mama para os ricos com grande património, que pagaram em 2008 menos IMI ( - 43% em média).
43% de 10 000 são 4300 €, mas 43% de 200 são 86€.
Agora faça contas e talvez descubra alguma razão para o aumento.

O pagante said...

Topei.
Se pago em 2007 € 1000,00 de imi e me baixam 43% para 2008, pago então € 570,00 e os senhores passam a ser os maiores ( PS ).
Mas quando aumentam 50% para 2009 então pago € 855,00, menos que em 2007 ( € 145,00 ), então os malandros são os do PSD da Câmara.
Não há dúvida que com papas e bolos se enganam os tolos.

Álvaro said...

Eu contribuinte cumpridor, não entendo esta luta de quem sobe ou quem desce, o que sei é que só em taxas, licenças, fotocópias e outros que tais, paguei cerca de 1700,00 € ao município para poder construir. A minha modesta casa será paga ao longo de 40 anos. Tenho feito imensos sacrifícios para a poder cumprir regularmente com as minhas obrigações e é por isso que me encontro a viver fora do meu país num miserável T1, num subúrbio qualquer.
Paguei em 2007 mais 43% imi que em 2008, pagarei de 2009 mais 50% que em 2008.
È impressão minha ou alguém anda a brincar com o bolso dos contribuintes, só falta dizerem que 0.3% do VPT é uma ninharia…
Quando necessito de alguma coisa dos serviços, só para apresentação do requerimento, mandam-me antes passar na tesouraria…
Os que apregoam que me 2009 afinal até iremos pagar menos que em 2007, deviam-se lembrar que não vivemos as mesmas condições de 2007.
Quando estive de férias danifiquei uma roda do meu Opel Corsa com 22 anos, num buraco da minha rua, mas se em 2009 pagarei menos qualquer coisa que em 2007, muito obrigado, digam-me a quem devo enviar uma prenda pelo Natal…
Conclusão: Eu simples cidadão, não quero saber se é o PSD, PS ou PNR que anda a fazer estas flutuações inadmissíveis, o que eu sei é que uns e outros não têm respeito pelos munícipes, senão digam-me qual é o fio condutor destas politicas…
Parece-me que as únicas reacções que obtive com o meu comentário, foram tentativas de lavar as mãos, curiosamente ninguém se referiu ao excesso que é para 0.3% do VPT.
Qualquer dia vou perguntar às finanças se querem ficar com a minha casa pelo VPT.
Tenho a esperança que um dia os tolos possam fazer algo para alterar este tipo de coisa.
Álvaro

Anónimo said...

Completamente de acordo Alvaro, mas o meu comentário apenas teve intenção de alertar para o jogo politico. Nós não somos tolos e só comemos o que queremos, conforme deduzo do seu post.
O ideal era não pagar impostos, mas como sabe tal não é possível, quer aqui quer em qualquer outro país da UE.
Mas já que temos de pagar, eu também pago, ao menos que não pensem ( os politicos ) que nos enganam.
Era esse o sentido do que referi.
Um abraço e felicidades.

Anónimo said...

Finalmente que se acabou o pio a todos aqueles que para aqui vinham dizer mal das obras clandestinas cá pela nossa terra.
Como parece que estavam a ser demais as denuncias o melhor foi calar a boca porque senão ia sobrar para todos.
De facto o peito da junta acabou, foi sol de pouca dura.
Bem dizia a outra;
"A seguir a mim virá quem menos e pior fará".

Bem informado said...

SABIAM?
Frederico Castro, deputado do PS na A.R. vair dar ao partido socialista povoense 1000 euros.
Será para pagar os favores?
Informação dada por alguém próximo do grupo socialista povoense.

Álvaro said...

Também quero uma clandestina,
Dizer mal de obras clandestinas, que falta de gosto. São tantas assim? Cada um tem a sua?
Se cada um tem a sua, não há motivo para traições, podemos procriar e viver felizes, contribuindo assim para que haja muitas “clandestinhazinhas” e “clandestinhazinhos”.
Aquele que ainda não tem a sua é favor se apressar antes que acabe. Denunciar é feio, principalmente se for a minha, va-la faça uma também. Juro que pela minha parte o pé já calei e futuramente irei por tino nos dedos.
Proponho ao pessoal a organização de um concurso para a obra clandestina com mais pinta, aquela que é ao arrepio de tudo, a mais sexy, a mais atrevida, a mais provocadora, no fundo, bem no fundo, mais no fundo ainda, a mais bela. O prémio podia ser um empenho fervoroso, tenaz, destemido e arrojado por parte da junta, para conseguir a sua legalização.
Uma obra clandestina não legalizada é como uma obra que se fica pelas fundações, irá sempre faltar alguma coisa para que se torne numa obra adulta e respeitável.
Quando a peitos, prefiro firmes e com algum volume, como as clandestinas (Brasileiras ou de Leste) mas não estamos em tempos de desperdiçar nada, temos de fazer sacrifícios e sujeitar-nos ao que aparece.
O sol esse é pela certa, voltará na primavera, temos de ter paciência. Aproveitemos este tempo, não para jogar as cartas, mas para darmos vida a mais uma clandestinhazinha…
“Aquilo que sabe bem, ou faz mal ou é pecado.”
Bom Fds
Álvaro

Anónimo said...

caro anónimo do dia 3 de Dezembro das 22h...
É de louvar, um comentário tão íntegro.
Tamanha dor de barriguinha, só faz soltar asneirinhas destas...
Acalme-se, o AVC está a dar nos novos. Não acha que V. Exa. ainda é novo para morrer? Tb tou curioso, até agradecia que a nova Junta, viesse a este blog, descarregar, o que realmente se está a passar em São João de Rei, assim como fez a Junta de Vilela, que públicou no Jornal. Quem não deve, não teme....

Anónimo said...

Caro SJR, porque não lançar a proposta à Junta de Freguesia?
Porque não publicar aqui, o que se está a passar na nossa freguesia?
Então amigo, faça isso, se não se quer expor, dirija um e-mail para a junta.
Eu votei neles, por isso também quero saber, o se passa lá dentro, todos temos esse direito.

Anónimo said...

Ainda impera a velha máxima do "primeiro fazer e depois legalizar",mesmo que não seja legal fazer ilegal,o que é ilegal passa a ser legalizável.
Não sei se me faço entender.
Como nunca vi cá pela Póvoa demolir nada, é só mais uma ou outra obrinha que fica por legalizar ou então vai dar-se um jeitinho para legalizar.
Pena é que alguns tenham de cumprir as leis porque são cumpridores e outros ignorem pura e simplesmente fazendo dos outros BURROS.

S.J.R. said...

amigo tomara eu saber o que se passa na junta nem eu sei, está um silencio profundo.
eu não pertenço à junta o que sei é o que vocês sabem nada mais se soubesse de algo, já o teria exposto aqui, agora também concordo que a junta ou alguém ligado a ela deveria colocar aqui no blogue o que se está a passar de concreto na nossa freguesia está tudo muito parado não é bom sinal, a minha curiosidade é enorme tb em saber como estavam as contas da antiga,quais os passos que esta junta vai dar,o que está previsto fazer, acho bem que alguém ligado à junta fala para que as pessoas/população sinta que esta nova junta não adormeceu e que está viva, vá Sr. Presidente coloque aqui um pequeno esclarecimento..
Afinal este blogue serve mesmo de intermediário entre a junta e muita população que está lá fora e cá dentro...

nota: Quanto à clandestinidade, de pequenas obras , por amor de Deus não vamos entrar por ai, se elas forem feitas dentro do que é nosso qual o mal?
Já basta o que pagamos de impostos à chulice dos governantes, agora se a obra vai buscar algo à freguesia e que é de todos nós ou que de certa forma modifique a estética da nossa freguesia,ai sim concordo que deva ser denunciada, agora construir um galinheiro, ou um abrigo quem já não o fez?

S.J.R.

Anónimo said...

Tenho quase a certeza que quando aquela gente abrir a boca, a bomba estoura, não duvidem. Deixem-nos trabalhar, o Presidente já não mora em Requeixo, mas sim nas Antas....por isso meus amigos eles vão falar. Aliás eles tem que falar, se não querem ficar com a fama dos anteriores. Porque, se é para saberem e ficarem calados, aí são todos iguas. E daqui por quatro anos, não valerá apena, colocar novamente lá dentro gente que tapa os olhos ao POVO. O POVO não é burro, por isso é que apostamos na mudança, Sr. Presindente.

Anónimo said...

"LANHOSO TV" Póvoa de Lanhoso

Entrevista:

"LANHOSO TV" O SEU CANAL DE INFORMAÇÃO DA REGIÃO DA PÓVOA DE LANHOSO.

http://www.lanhosotv.com/

QUELHAS – Todos sabemos que a LANHOSO TV é um projecto recente, tem dois “CAROLAS” a chefiar, um deles chama-se, Manuel João, como se chama o outro colega, de onde são naturais, onde vivem e quais são as suas profissões e habilitações literárias?!

LANHOSO TV - Domingos Silva o primeiro na área da saúde o segundo é telefonista e presidente de uma associação nesta vila.

QUELHAS – Como nasceu a LANHOSO TV, que esperam do seu futuro?

LANHOSO TV- A Lanhoso TV nasceu de estarmos um dia a emitir para a Tv. Desporto e alguém falar que no dia seguinte iria tomar posse a Câmara e não haver um canal que transmitisse tal evento e por isso mesmo a ideia nasceu logo ali, foi tipo um click.

QUELHAS – Que tipo de noticiários diários vão ter em programa, locais ou nacionais?

LANHOSO TV- Vamos ter 2 Noticiários diários 1 às 2 da tarde, o outro às 21 horas e vão se basear nas noticias locais.

QUELHAS – Sabemos que vamos ter um concurso designado; "POVOA A CANTAR ", quem colabora convosco nesse programa?

LANHOSO TV – Para já temos o apoio de uma empresa que se chama Animação de Sucesso, mas contamos ate Dezembro reunir mais alguns apoios.

QUELHAS – Que tipo de debates e programas de entretenimento vão ter ao longo das emissões para além do futebol?

LANHOSO TV – Vamos ter debates para todos os gostos, desde politica a desporto , passando por assuntos da actualidade, quanto aos programas de entretenimento vamos “nos colar” um pouco a um americano que da perfeitamente para aquilo que queremos que se chama o “Saco Cheio”

QUELHAS – Quais os apoios que teem neste momento, e o que precisam para sobreviver e, se existe contacto com a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso para ajudar no projecto?

LANHOSO TV- Ora Bem, os Apoios neste momento são quase nulos, tivemos esta semana uma reunião com a Câmara Municipal que se mostrou receptiva e contamos com o tempo vir a ter vários anunciantes para puder crescer ainda mais já que o sonho passa por sermos um canal de referência nesta região.

QUELHAS – Convidaram o Quelhas para uma entrevista! A LANHOSO TV vai dar voz aos autores locais, aos artesãos, pintores, grupos musicais, modalidades de desporto, juntas de freguesia, e ao povo em geral?

LANHOSO TV- Sem Duvida nenhuma que sim, pois nascemos foi para dar voz aqueles que “vivem” connosco. Pois a LANHOSO TV È UM CANAL DE TV DA POVOA DE LANHOSO PARA TODOS OS POVOENSES, fica aqui a promessa.

- Fica então aqui a promessa do Manuel João e Domingos Silva. Pela minha parte agradeço a entrevista. Peço em nome deles que apadrinhem, onde e como poderem, para este canal ser um transmissor povoense para quem o quiser seguir e para ele darmos muita informação. Dar alegrias aos imigrantes, matando-lhes saudades com imagens da sua terra Natal.

Publicada por Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! em 14:08 20 comentários Hiperligações para esta mensagem http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/

Anónimo said...

É bom perceber que alguns estão de volta, mesmo que agora anónimos… Isso pouco importa, importa sim as suas opiniões.

Quelhas said...

"laranjal povoense" seja bem-vindo.
Mais um Blogue e um Blogueiro que tenta dar voz à sociedade povoense, bem-haja.
Em liberdade de expressão somos capazes de expor sentimentos e revelar culpas, dar a conhecer algo que uns sabem e outros desconhecem.

"HUMBERTO CARNEIRO PRESIDENTE" um homem que se divide em três, quer dizer em quatro! Família, Fábrica, Provedoria e Assembleia Municipal...
Onde vai este homem buscar tanta força e energia?!

"Castelo de Lanhoso" nunca foi isento e puxou sempre a brasa para a sua sardinha, senhor Armando fez bem abandonar o Blogue, tb, desconfio que este será dele...

"cromo" não critiquem os outros sem antes olharem por si abaixo.
Senhor Ramalho é ele próprio e se não tem diálogo político é porque não é político!

"O Prof. Luís Noronha", esse sempre de nariz empinado não deixa saudades...

"Frederico" meteu os nojentos e com dor de cotovelo num saco na cabeça e, ele continua com ela destapada e é o deputado da Póvoa de Lanhoso na Assembleia da República.

"Dr. Lourenço" como já tinha dito anteriormente, a altura dele não seria esta, porque o senhor Batista era e é a pessoa indicada para a continuidade, mas, contudo se o candidato derrotado não desistir, um dia vai ser presidente tb, faça como fez Dr. Tinoco, esperou e alcançou.

Felicidades para todos e bom NATAL.

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

IMI

IMI - Imagens Médicas Integradas?
IMI - Innovative Medicines Initiative?
IMI - Institute of the Motor Industry?
IMI - International Management Institute?

IMI - Imposto Municipal sobre Imóveis!...

SIM!

- Quando se fala em IMI, portuguesmente escrito e falando, deve-se dizer; Imposto Municipal sobre Imóveis.

Pois bem, senhor Ramalho disse e muito bem, "vai pesar seguramente muito para algumas famílias".

Calculo que sim, até porque quem vai gramar com essa fatia, são as pessoas jovens que teem créditos de apartamentos ao banco.

E, após 10 anos deixam de ter isenção e pagam a fasquia bem pesada durante mais 15 ou 20 anos, num valor superior a 200,00 €.

Digamos uma vida a pagar IMI, "Imposto Municipal sobre Imóveis".

- Senhor presidente da Câmara da Póvoa de Lanhoso, meu amigo Batista, então para fazer política social não vão abdicar desta receita?!

- Diga-me ou faça me entender para onde vai tanto dinheiro do Imposto IMI, quando três partes dos apartamentos no Concelho pagam tal Imposto a um valor elevado?

- Não me diga que anda a tirar de uns para dar a outros, e refiro aos pobres, mas não aos pobres de Miséria, mas sim aos pobres de espírito, aqueles que não querem trabalhar e pedem ajuda, isso revolta-me!!!

O "Imposto Municipal sobre Imóveis", IMI, quanto a mim deveria acabar, não basta os juros que se pagam em créditos, os seguros obrigatórios de vida, e seguros contra outras eventualidades!

É esta uma das razões que contribuem para os jovens deixar de pagar, outros passarem necessidades para cumprir, e ainda outros obrigarem-se a emigrar...

Tenho dito, Quelhas

Álvaro said...

Eles estão para vir…
Foi-me relatado que existe um novo equipamento que permite acesso mais fácil ao cemitério. Se assim é, está bem, tudo que seja para melhorar as acessibilidades é bem-vindo.
Este fim-de-semana, um candidato ao uso do equipamento na sua última viagem, pediu-me encarecidamente que se houver possibilidade preferia não utilizar o dito equipamento. Pensei para comigo (este até na hora da morte não se quer actualizar), mas como faltava ainda um tempo para o inicio do jogo (Atlético – FCP 0-3), resolvi explorar aquela vontade.
-- Então o amigo, não quer usufruir do acesso facilitado à sua última morada?
-- Se tiverem alguma consideração por mim, preferia ser enterrado só e inteiro. Temo pela minha integridade física e pela dos que se aventurarem a fazerem comigo a minha derradeira viagem.
Pensei (pronto, lá está ele de novo em curto circuito…), mas ainda assim — Olha, enquanto tiramos a camisa a estes tremoços e bebemos esta cerveja intragável, és capaz de explicar essa tua intenção?
--Vou tentar explicar. Há agora uma rampa de acesso ao cemitério que pretendia facilitar o transpor de uns poucos degraus. O certo é que a rampa de ferro deve ter cerca de 2 metros de comprido, de um verde-garrafa deslumbrante, é de uma harmonia perfeita… Temo apenas a aderência em dias de chuva, mas mesmo esta, não pude comprovar, tal foi o meu medo em me aproximar. Sabe, fui invadido por um sentimento misto de temor e respeito, como se estivesse perante uma obra de arte que podia cair a qualquer instante, apenas por estar a olhar para ela.
A ideia de facilitar o acesso, era boa à partida, o problema foi o que fizeram com ela. Se têm posto duas ou três pedras nos degraus, estava a rampa feita e o acesso resolvido, mas, tal qual os Portugueses, gostamos de complicar.
-- Se isso é assim como me diz, podíamos contactar a organização do Tour ou do Giro, uma etapa de 1º categoria em S. João de Rei era o nunca visto…
-- Não lhe volto a contar nada, afinal acaba sempre zombando comigo. Ainda lhe digo mais, quero ir à sua frente mas nunca pela rampa.
-- Olhe, olhe, vai começar o jogo, pode ser que hoje tenhamos uma alegria, sim, porque alegrias ultimamente só se for na bola.
PS: A ser verdade o que o meu amigo contou, por favor, retirem esse trambolho...
Álvaro

Anónimo said...

“A fama longe soa. E mais depressa a má que a boa.”

Anónimo said...

Este blogue está muito bom, traz-nos várias temáticas e informações diversas. Bom demais para quem está tão longe, imaginem se o Quelhas estivesse mais perto da gente. Está-se a afirmar como um escritor honrado, e os blogues e jornais onde escreve, estão-lhe a dar continuidade, seguido das suas obras de livro. Um autor nato Povoense à altura das expectativas e necessidades de falta de informação das comunicações sociais Povoenses. Uma rádio que tem um clube comercial, dois jornais que teem clubes políticos e blogues ligados a politiquices. Por aquilo que já me apercebi, este Blogue da Póvoa, é mais para melhor que a contrariar, mesmo este contrariar, resume-se a opinião particular do proprietário e de alguns subscritores. Portanto um Blogue de respeito e livre, e toda esta responsabilidade cabe ao senhor Quelhas que, apela sempre à união entre Blogues para haver mais comunicação e ideias entre eles. Parabéns e continue, este vai ser o blogue que o vai levar ao sucesso como homem das letras, inspirador, cómico e crítico social, para além de poeta. Abraço.

Cuscas said...

De facto o tal deputado do PS em Lisboa já é convidado para aparecer em almoços, não seja ele deputado da nação, figura do mais digno respeito perante os povoenses. Marcará presença num almoço patrocinado por Calvos na próxima segunda feira.
Que dará em troca ?
Faladura ? Promessas ?
Se calhar vai dizer que tudo trará, mas em troca quer ser eleito proximo presidente da Câmara.
Se fôr tão bem intencionado como o foi na última assembleia municipal, temos gente. Foi uma vergonha a sua intervenção, mostrou mesmo que se quer distinguir perante todos os presentes.
"JÁ SOU RECONHECIDO COMO FIGURA PÚBLICA".
Cá por mim come ...

Anónimo said...

Já sei que este ano nao á bolo-rei para ninguém. Até com isso vão acabar. Bem fito, para quem votou neles.

Álvaro said...

A televisão que todos pagamos,
A televisão de serviço público suportada pelos contribuintes, tem dado voz a todos aqueles que querem vender o seu peixe após terem sido envolvidos em casos de justiça.
Será este o papel que era de esperar de um serviço público?
Dá a impressão que quem quer manusear a opinião pública, desde que influente, basta pegar no telefone e exigir ser entrevistado, que logo o canal público se dispõe para desinformar e manipular.
Nem vou falar de pressões sobre a justiça, é tudo farinha do mesmo saco.
Por aqui se pode aferir da teia de influências em que se move aqueles que governam o país, esta máfia à portuguesa, descarada e impune algum dia acabará?
É para isso que serve os 22,08€ de contribuição audiovisual que pago anualmente (sem ter televisão ou rádio em casa), seria melhor utilizar este dinheiro para a criação de um fundo tipo Nobel. Todos os anos seria entregue um prémio ao mais corrupto, junto com uma faixa que exibiria ao longo do ano seguinte (tipo Miss).
Candidatos 2009:
Socr..es
Val….in
Isal…o
Fel…as
Va…as
Lou…eiro
O Pe…oso, foi desqualificado, devido a oposição dos outros candidatos em ficarem no mesmo hotel, aquando da entrega dos prémios.
Peço desculpa aos não nomeados, mas devido á quantidade terão de ficar para outras núpcias.
Estão abertas as eleições.
Bom Fds
Álvaro

Álvaro said...

Era uma vez um bolo.
Vão acabar com o bolo-rei, espero que não, pelo menos no Cristo-Rei (desculpem a publicidade), é de onde prefiro, sempre que alguém tem a delicadeza de me trazer um.
Se pensarmos bem, até faz um certo sentido, senão vejamos:
Acaba-se com o engano que era o bolo-rei, pois muitas vezes era simplesmente incomestível,
Contribui-se para o combate ao colesterol,
Não se desperdiça recursos (farinha e agua), que tanta falta fazem ao país,
Poupa-se o capital de seriedade que era lapidado junto dos padeiros, devido ao tempo que esperavam pelo dinheiro.
Canalizam-se recursos para actividades mais proveitosas, por exemplo a reorganização da recolha de lixo nos meses de verão que é uma vergonha,
E depois vejamos, oferecer um bolo sem a respectiva garrafa, podia ser considerado como uma tentativa de homicídio, se este fosse rebelde e rijo. Não há necessidade de criar problemas onde ainda não existem.
É a crise, só espero que esta, nunca chegue as mulheres bonitas…
Álvaro

Anónimo said...

Este Álvaro está quase como uma pessoa do outro blogue.
Já está a ser demasiado penoso ler os comentários dele.
Parece que não faz nada senão escrever no blogue.
Valha-me Deus ...

Álvaro said...

Para dar descanso aqueles que possam estar preocupados com a minha produtividade, e a todos os outros, um Feliz Natal, um Bom Ano Novo, estou de partida para férias.
Cumprimentos,
Álvaro

Quelhas said...

Senhor Alvaro, não ligue a grossarias. Também se não fosse você e eu este blogue estava aquem daquilo que era, enfraqueceu bastante. Desculpe S.J.R, mas tem que fazer algo para cativar os leitores acomentarem mais moderados, fazer notícias ou post sobre algo diferente!?

Um bom Natal para S. João de Rei, e todo o Concelho de Póvoa de Lanhoso, de Portugal e do Mundo.

Anónimo said...

As figuras do Natal
As três figurais tipo Natal
Têm hoje um estatuto controverso
Nos fóruns sobre o mundo actual:

O filho de quem é? A Mãe que diz?
O Pai que faz ali? Quem foi perverso?
Tanta incerteza deixa alguém feliz?

Ainda por cima, o filho vai morrer,
A mãe vai assistir á morte,
Do pai, pouco se fala ou quer saber!

Só gente humilde pode achar piada,
Como os pastores, fiéis à sua sorte,
E os reis perdidos, na noite estrelada.

Não falta quem afirme e argumente:
Só ganham com a cena, os animais,
Que em muitos lados valem mais que gente!

Vêm à baila os filhos rejeitados,
Os que nunca souberam de seus pais
E os que são, desde o berço, aventurados!

À colocação, vêm homens e mulheres
Que, sendo sós, se afirmam com direito
A terem como filhos outros seres.

Que basta um género para haver família,
E tudo o mais é mero preconceito,
Servem as leis para constitui-la!

A rebater, vem este encantamento
Que as três figuras fazem na história,
Propondo dela um novo entendimento,

Vendo na fé essoutra dimensão
Que mais liberta o homem da memória
Da sua finitude e condição.

Apenas as figuras se limitam
A ser este mistério intemporal
No coração daqueles que acreditam:

Que Deus, para nos salvar, se fez menino.
Se é esta a controvérsia essencial,
O figurado tem papel divino.

Com votos de Boas Festas e Feliz Ano Novo!

Anónimo said...

Ao anónimo desagradado com o Álvaro
Faça um favor a si mesma, sempre que vir “Álvaro disse…”, passe á frente, fossem todos os males tão difíceis de resolver.
Os comentários dele nem sempre são interessantes, mas o seu, contribui em muito.
Ele pode escrever demasiado para o seu gosto e nem sempre bem, mas pouco e mal como é o seu caso, só mesmo o divino para ajudar.
Boas férias Sr. Álvaro, vamos ver se regressa…

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

Natal fantasma

Natal, já não é o que era
Já lá foi o tempo de criança
Já lá foi o tempo de crença
Que “Eu” adorava na infância

Agora vivemos o fantasma do Natal
Aquele, que “Eu” não acredito
Passou a uma época Artificial
Para qualquer pequenito

Palavra Natal, para quê?
Se esta é uma realidade branca
Os adultos sabem porquê
Aquilo que sente uma criança

São tempos que lá foram
E o Natal ficou sem sentido
O povo está revoltado
E o Mundo está perdido

Hoje em dia, Natal funciona
Com o comércio das prendas
Os estabelecimentos abarrotam
Com tantas encomendas

No seio da família, então
Pouco ou nada funciona decerto
No Natal vai um p’ra cada lado
E as nossas casas, ficam um deserto

Na ceia de Natal, enfim
A abundância da luxúria é evidente
Poucos se lembram de ti e de mim
Muito menos do amigo ou familiar doente

Para uns há muita fartura
Que no fim muito sobra
Tomaram sobras, os mendigos
E os pobres por esse Mundo fora

Pão-de-ló no meu bloco - Escrevi
Bolo-rei também - Encomendei
Rabanadas bastante - Comi
Batata nem vê-las - Enjoei

Bacalhau bastante - Encheu
Couve penca pouco - Sobra
Polvo comi, comeste - Comeu
Cabrito era tanto que até deitei – Fora


E é a fartura e, o perímetro que escrevi, que, me fazem chegar a esta conclusão…

S.J.R. said...

Sr Alavaro bom natal para si e para todos que postam neste blogue só discutindo é que chegamos a bom Porto pena tenho que o tempo neste momento seja escasso para poder fazer brilhar um pouco mais este blogue, mas devagar,devagarinho se vai ao longe...
Sr anónimo só não apago o seu comentário para que todos possam ver que realmente o Mundo anda perdido, muitos só falam porque não tem mais nada mesmo que dize.
Sr. alvaro o seu contributo bem como as suas ideias são bem vindas aqui, Sr, anonimo já Aristóteles dizia:
"Devemos nos comportar com os nossos amigos do mesmo modo que gostaríamos que eles se comportassem conosco".
Aristóteles


Um bem haja e um santo Natal e feliz Ano novo a todos os membros deste blogue, espero vir a ter um tempinho.

S.J.R

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

Quadras de Natal... 1999

É Natal, é Natal,
É Natal em Belém,
É Natal em Portugal,
E em todo o Mundo também...

O menino nasceu em Belém,
Nasceu tão sozinho,
Para nos querer bem,
E ser nosso amiguinho...

Nasceu sobre as palhas secas,
O nosso DEUS menino,
No presépio relembramos,
O seu amor divino...

Veio para connosco sofrer,
E ser pregado na cruz,
O nosso DEUS menino,
Tem o nome de Jesus...

Ele tem uma alma boa,
Que nasceu com seu destino,
De espinhos é sua coroa,
Desde pequeno menino...

O DEUS menino veio ao Mundo,
Para fazer caridade,
Neste dia profundo,
Pregar sua pura verdade...

Este DEUS menino louvado seja,
Com a sua forte luz,
Também nossa casa festeja,
O Natal, lembrando Jesus...

A festa de Natal é da FAMÍLIA, é de todos nós!

O Autor inspirado no nascimento do menino, em Jerusalém...

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

Links e Parcerias pela Promoção, Marketing, com Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, histórias com histórias...


Apelo à união entre Blogues, alguns já estão associados de uma forma ou de outra a Blogues do autor.
Aqueles que ainda não fazem parte do Blogue da Maria da Fonte, e fazem parte de outros Blogues do autor, peço que, façam parte de uma grande família de Blogues.
Todos aqueles que aderirem, até ao fim de Janeiro 2010, a este projecto, serão constantemente publicitados, aqueles que o não fizerem, serão retirados de Marketing.
Espero por vocês todos



http://www.cldz.ch/
http://friluso.no.sapo.pt/
http://www.lanhosotv.com/
http://araujo.wordpress.com/
http://alisenao.blogspot.com/
http://inovalar.blogspot.com/
http://www.mun-planhoso.pt/
http://www.gazetalusofona.ch/
http://saojoaorei.blogspot.com/
http://ouvistodizer.blogspot.com/
http://casadasagras.blogs.sapo.pt/
http://www.portugalmusica.com.pt/
http://olivrodacrianca.blogspot.com/
http://doisdosvarridos.blogspot.com/
http://forumpovoense.blogspot.com/
http://laranjalpovoense.blogspot.com/
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/
http://jornalmariadafonte.blogspot.com/
http://povoadelanhosonet.blogspot.com/
http://quelhasartigospublicos.blogspot.com/
http://povoadelanhosomelhor.blogspot.com/
http://avantepovoadelanhoso.blogspot.com/
http://jn.sapo.pt/blogs/quelhas/default.aspx/
http://pvliticamenteincorrecto.blogspot.com/
http://autodidactajorgecampos.blogspot.com/
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

autor "Quelhas" artigos públicos said...

Hoje é dia de Natal para os pobres que, vivem num Mundo de ilusão, os ricos esses têem Natal todos os dias!
Ainda hoje vi deitar fora um contentor de alimentos e, isso revolta-me quando na Africa e por esse Mundo fora, morrem de fome milhares de pessoas por dia...
Bom Natal para si.

autor "Quelhas" artigos públicos said...

Feliz ano novo a todos...

Este ano quero paz no meu coração
Quem quiser ter um amigo
Que me dê a mão

O tempo passa
E com ele caminhamos todos juntos
Sem parar

Nossos passos pelo chão
Vão Ficar

Marcas do que se foi
Sonhos que vamos ter
Como todo dia nasce
Novo em cada amanhecer

Marcas do que se foi
Sonhos que vamos ter
Como todo dia nasce
Novo em cada amanhecer

Este ano quero paz no meu coração
Quem quiser ter um amigo
Que me dê a mão

O tempo passa
E com ele caminhamos todos juntos
Sem parar

Nosso passos pelo chão
Vão ficar

Marcas do que se foi
Sonhos que vamos ter
Como todo dia nasce
Novo em cada amanhecer.

Edição de imagens e video: Edinizia Holanda

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... said...

Já leu alguns das centenas de livros sobre a Heroína Maria da Fonte?



Camilo Castelo Branco, Maria da Fonte, IAG – Artes Gráficas, LD.A Lisboa, 1886 6 (26%)

Paixão Bastos, Maria Luíza Balaio ou A Maria da Fonte, Edição Tip. Moderna, LDA. Lisboa, 1945 3 (13%)

Joaquim Palminha Silva, A Revolução da Maria da Fonte, Subsídios para a sua História e interpretação, Edições Afrontamento, Porto, 1978 4 (17%)

António Feliciano de Castilho, Crónica Certa e Muito Verdadeira de Maria da Fonte, A regra do jogo Edições, LDA., Lisboa, 1984 4 (17%)

DINO de Sousa, A revolução da Maria da Fonte: Banda desenhada, de Domingos Silva, Compolito, Edição C.M. Póvoa de Lanhoso, 1996 5 (21%)

João Tinoco de Faria, Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Edição, Câmara Municipal Póvoa Lanhoso, 1996 4 (17%)

Azevedo Coutinho, História da revolução da Maria da Fonte, Editorial Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 1997 4 (17%)

José Abílio Coelho, Maria Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Editora Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 2004 3 (13%)

Ana Sofia Pinto, O mistério da Maria da Fonte, Edições Sílabo, LDA, Lisboa, 2007 5 (21%)

“QUELHAS”, GONCALVES João Carlos Veloso, A21>> Blog Archive >> Maria da Fonte – hino esquecido, 2008 - Blogger “Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias...” Edições 1/7, jornal, Gazeta Lusófona, 2008/2009 - Edições, jornal, Fri-luso - Artigo jornal, Terras de Lanhoso 11 (47%)

Outros livros ou apontamentos sobre a Heroína Maria da Fonte? 4 (17%)

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! said...

No Blogger desde Março de 2009... 10 Seguidores... Estamos na Lista de Blogues de muitos amigos no país e no estrangeiro... 130 Posts Publicadas em 2009 sob notícia e cultura... 2.260 Mensagens Publicadas em 2009 por visitantes... Estamos gratos pelo sucesso que fizeram atingir ao Blogue da Póvoa de Lanhoso e, torna-lo cada vez mais internacional e cultural, esperamos sempre por si...



MENSAGEM: Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! espaço cultural, convidados de honra, comente...

Comenta no sentido, que, o sentido te dita! És livre, livre de voar como passarinhos ao vento. Comenta, vais ver que, te cultivas. As tuas opiniões não são válidas se as não puseres em prática. Comenta no bom sentido... "Quelhas" está a projectar autores/artistas. Envia a tua Biografia. Faça parte desta grande família culturalmente. Os participantes chegam lentamente e, por ordem irão entrar para a história deste Blogue internacional da Póvoa de Lanhoso, Minho, Portugal e do Mundo...


Desejo saúde e paz que, o dinheiro vem por acrescimo...

Quelhas autor do Mundo, porque o Mundo gira à minha volta...

Anónimo said...

A alma gêmea do Primeiro Ministro, vai pedir o divórcio à mulher, para se poder casar novamente.
Já procura namurado pela internet, poderá haver contacto para um possível encontro.

Olá amigos. said...

Efigênia Coutinho - Poetisa, foi a primeira Personagem de honra a colaborar no projecto cultural a convite do autor/jornalista "Quelhas".

Agora segue-se o Autodidacta Jorge Campos - Escultor e artista Plástico.

Para terceiro lugar vem Chico Bento - Compositor e Poeta popular.

Esperem pelas novidades seguintes, enquanto comentem os autores convidados.

Nota: Estou a enviar para o jornal Gazeta Lusófona e Fri-luso a Biografia de todos os autores, acontece que os meus amigos jornalistas e directores dos jornais em epígrafe, são quem escolhem a personagem do mês para divulgar, sairão todos, espero eu!

Para Fevereiro no Gazeta sai Jorge Campos e no Fri-luso Chico Bento.

Um abraço para a humanidade que está perdida, e eu perco-me nela, porque me fazem perder e eu não quero!?

Quelhas abraço

Convidado de honra: Efigênia Coutinho - Poetisa said...

sábado, 9 de Janeiro de 2010

Convidado de honra: Efigênia Coutinho - Poetisa

Biografia Efigênia Coutinho (Mallemont) Nascida em Petrópolis-RJ, cresci em São Paulo-SP, e na caminhada da vida, morei no Rio e Janeiro-RJ, Florianópolis-SC e atualmente vivo em Balneário Camboriu-SC... Deixando a vida me levar... Formada em Artes, se especializou em Tapeçaria de TEAR, buscando os seguimentos Indígenas e sua História Natural,tendo participado de várias exposições. Em 1977 foi residir em Florianópolis SC, e há três anos mudou-se para Balneário Camboriú -SC - 1999 - " Não sou poeta, apenas desenho sentimentos" _________________________________________ O RIGOR LITERÁRIO Sobre a Poesia de Efigênia Coutinho Por ela mesmo A poesia será sempre um meio de comunicação de sentimentos na escrita. Eu tenho um ritmo pessoal, operando desvios de ângulos, mas sem perder de vista a tradição, procurando atingir o núcleo da idéia essencial, a imagem mais direta possível, abolindo as passagens intermediárias. Certa da extraordinária riqueza da metáfora - tratei de instala-lá nos meus poemas, com toda a sua carga e força emocional! Atraída pelos sentimentos, entendi que a linguagem poderia manifestar essa tendência, sob a forma de um encontro de palavras extraídas da Alma. Ao inicio, as palavras vinham num conjunto, informes, desarticuladas e, pouco a pouco, as fui compondo, sentindo silaba por silaba, e aplicando-as dentro dos versos. Há tantos momentos misteriosos dentro da alma poeta, que vivemos uma alquimia , a bem dizer, a essência mesma da vida em vida. Procurei sempre mais a musicalidade que a sonoridade; evitei o mais possível a ordem inversa, procurei muitas vezes obter o ritmo sincopado, a quebra violenta do metro, porque isso se acha de acordo com a nossa atual predisposição emocional; certos versos meus são os de alguém que leu muito Baudelaire, Shakespeare, Paulo Mantegazza, e muita musica clássica. Empreguei freqüentemente a forma elíptica, visto ser uma tendência acentuada da poesia moderna que ajuda a terminologia final; de resto não crio uma ruptura entre o poeta e o leitor, antes impõe este a uma disciplina mental, ensinando-lhe a imaginar nos intervalos, encobrindo analogias e paralelismos. Sendo de natureza impulsiva e romântica, julgo ter feito um trabalho verdadeiro , pois se os relacionar à minha contínua necessidade de expulsão de sentimentos, meus textos são até construídos e ordenados. “É a expressão da subjetividade, da harmonia e do amor universal. Em minha poesia, ora demonstro um tom bastante emotivo, ora amplo interesse pelas coisas simples da vida, revelando alteridade, amizade e solidariedade." Efigênia Coutinho Balneário Camboriú Janeiro 2008 ________________________________________ Efigênia Coutinho Suas Antologias Poetas da rede Jacira Cardoso Participação Efigênia Coutinho Poetas Pela Paz e Justiça Social Poetas Pela Paz e Justiça Social. O volume II – com 200 poetas, lançado na 53ª Feira do Livro de Porto Alegre. IIIª Antologia do Portal CEN De Carlos Leite Ribeiro 2008 Minha Participação Lançamento 1ª coletânea Teia dos Amigos Participação Efigênia Coutinho Participação Efigênia Coutinho Coletânea Prosa e verso Casa do Poeta Rio Grandense 44 anos 2008 Organização e Administração IEDA CUNHA CAVALHEIRO Antologia Literária Internacional Del’Sechi, volume 19.Além de Participar,fui convidada para fazer o prefacio. Antologia Literária Internacional Del’Sechi Convidada de Honra pelo autor povoense Quelhas "Efigênia Coutinho (Mallemont)" efigenia_mallemont@yahoo.com.br http://www.avspe.eti.br/ http://efigeniacoutinhopoesias.blogspot.com/
Publicada por Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! em 00:01 24

bjinho said...

Quase todos os Blogues da Póvoa de Lanhoso, que são cerca de 20, estão a cair no rediculo. Muitos deles adormeceram pelo Natal. Outros coitados, não tem comentários e, alguns poucos, tem, e são comentários de meia dúzia de pessoas. Se não teem tempo entreguem vossos Blogues a um administrador ou pelo enos deixem ao Deus dará com comentários livres, não dariam tanto nas vistas. (in)-sucesso para os Blogues povoenses. bjinho.

Álvaro said...

A crise que acolá vem.
Em tempo de crise, nós os que temos crédito à habitação, com taxas indexadas à Euribor, somos os que mais temos aproveitado da baixa anormal das taxas de juro.
A menos que tenhamos perdido o emprego, o rendimento disponível após o pagamento da prestação, é agora maior.
Com mais moedas pretas a pesarem na algibeira, podemos ter a ousadia de contrair novos empréstimos, estes agora ao consumo, para comprar coisas que não necessitamos ou para aproveitar aquela promoção que parece um negócio da china, empréstimos estes, com taxas que fariam corar os mais avarentos dos prestamistas.
A esperança que as taxas de juro se mantenham ao nível actual é irrealista, pois os países com economias mais desenvolvidas estão já a recuperar. Logo de seguida será a taxa de juro que vai subir para conter a inflação e por consequência a prestação da casa será maior.
O tempo das taxas de juro historicamente baixas, deveria ser um tempo de poupança, não pela remuneração dos depósitos, mas para prevenir o aperto que curiosamente virá após o fim da crise dos outros.
Dos outros, claro, a nossa está para ficar, desemprego a subir, taxas mais elevadas e os apoios do estado a acabar. Curiosamente o fim da crise será para muitos o seu início.
Mas como bons portugueses que arriscamos ser, nada que a alegria de ver o Benfica ganhar o campeonato não resolva.
Álvaro

Álvaro said...

Irresponsáveis
A birra entre os meninos do PS e PSD, vai custar muito mais do que os milhões transferidos para a Madeira.
Além destes, vai ser necessário pagar muito mais pelo financiamento do estado.
Não era suficiente o défice, agora resolveram acrescentar a instabilidade política.
Enquanto os meninos do parlamento batem o pé e brincam ao carnaval, os investidores estrangeiros resolveram fazer mais algum dinheiro com Portugal, agora que a Grécia já foi sugada.
A minha vontade era ser mal-educado, mas nem mesmo isso os garotos que democraticamente elegemos merecem.
Álvaro

Gérry MCcánn Operación Task Máfia Organizada said...

McCann Unravels. "Los MCcánn nó són víctimas són verdúgos"

"ENCUBRIENDO EL MALTRATO INFANTIL ABUSOS SEXUALES Y ASESINATO en primer grado" "UN SPSICÓPATA"
Gerry MCcann es pederásta y no le ímporta que sea niño o niña lo que les interesan a los pederastas es su infáncia. LA JUSTICIA CUMPLE SE REHABRE EL CASO . SOS: EL RESCATE, DE MADELEINE (MCCANN) LA NIÑA “INGLESA” RAPTADA EN (PORTUGAL)
"AQUI HAY TONGO"
Madeleine MCcann el gobierno portugues y ministro de justicia mas fiscal y el juez toman una alternativa para los "Mccann" no hay cadaver no hay juicio.El juicio de "Marta Del Castillo" no hay cadaver pero se hace justicia......................
Madeleine MCcann En la primera anestesia la niña se despertó cuando se encontró al padre abusando de ella fue golpeada salvajemente por el propio padre al darse cuenta que no era bien recibido y volvió a ser anestesiada de hay la sangre de la niña de los golpes recibidos recordando en todo momento que estaba bajo los efectos del alcohol de hay el ataque cardíaco. Cadena perpetua para Un Pederasta y pedofilo Fueron los padres los asesinos mas torturaban a la niña. Los McCann y sus siete amigos cenaban cada noche durante sus vacaciones en Portugal, incluida aquélla en la que desapareció Madeleine, aseguraron que éstos bebían entre 10 y 12 botellas de vino, a las que precedían cervezas y cócteles durante el aperitivo mas lo que tomaban durante las comidas . kate y Gerri de profesión médicos anestesiaban a Madeleine puesto que lloraba 18 horas al día con mucha regularidad porque tenían en casa a su maltratador era ese el motivo de su llanto y se combirtio en un suplicio o martirio para el matrimonio causa del asesinato premeditado en primer grado aquí no podía haber ningún accidente por exceso de anestesia puesto que los dos son médicos .Estos asesinaron a su hija con premeditación .Los Mccann tenían deudas de tres mensualidades de su hipoteca de tres mil euros mensuales y las cuentas al rojo y se tomaron unas vacaciones veraniegas mas 40 días sin pagar nada por sentirse el director del hotel responsable de la desaparición de Madeleine total unas vacaciones a lo grande y todo a costas del asesinato premeditado en primer grado. No hay ningún retrato robot que valga basta, basta, de tanta comedia la falsa del retrato robot inventado por Remenber de Rokley portavoz del gobierno Británico y periodista que costo un millón y medio de Euros que tubieron que pagarles los Mccann por limpiar el nombre..Cuando se descubra la verdad se recuperara el turismo y la alegria de algarve recuperacion de empleos y la normalidad con el mundo.Está la reputación de portugal en jaque. "El último gríto de Madeléine MCcánn"
En vez de mistério tuvo más de círco y todo para tapar un asesinato que un niño no lo pasaria
desapercibido, lo demás de rísa por no llorár... Quisiéron hacérles al múndo un labádo de cerébro con retratos robot y comedias con el porta voz al frente.
Caso Madeleine McCann - Operación Task...
Es una manipulacion de ciertos jornaleros implicados con los MCcanes y remenber para segir estafando y sacando fondos Estamostodosaqui...Estamos hante una Máfia Órganizada ...

Advertencia cuidado con el monopolio capitalista es el que está haciendo que no salga a lúz este articulo por no salir de un juzgado o de un medio de comunicación y el monopolio. MCCANNES Y OPERACIÓN TASK no les interesan que salga a lúz porque se les terminarían la ganga silencio es el dilema de todo un monopolio llenos de mentiras aqui se está encubriendo la verdad...
Que sepán tanto gobiernos como jueces y medios de comunicacion que estan colaborando a crear un atentado contra la democracia y una conspiración hacia los derecho de la opinión y publicación una forma mas de hacer terrorismo tema de los MCannes es una burla hacia el múndo.Hasta que les vengan la sensatez a los medios de comunicación seguire ocupando su lugar. Esto es muy delicado para tenerlo en silencio los medios de comunicación tanto tiempo.

MAD said...

O Pensador, cantava “matei o presidente”…
No nosso dia-a-dia estamos habituados a mortes políticas, tentativas de assassínio de carácter e até algumas fugas para o estrangeiro, mas a eliminação física pura e simples, revela uma evolução nos nossos direitos.
Felizmente, agora, se discordar com alguma das opções políticas do seu representante, o cidadão mais esclarecido, além do direito, tem o imperativo moral de eliminar o politico. Quando falo em eliminar é tal e qual.
È com incomodo que tive conhecimento que existiu (na opinião de alguns) uma tentativa de assassinato do nosso presidente. Este mal-estar não é por o “alegado”homicídio não se ter consumado, (isso é da responsabilidade do seu autor), sinto-me incomodado porque ninguém teve a delicadeza de publicar a notícia. Este episódio veio revelar na minha modesta opinião, o que já se desconfiava, este blogue para alguns não passou de um instrumento. Após terem atingido ou não, os seus objectivos simplesmente desapareceram, deixou de haver notícias de relevo, deixou de haver problemas, deixou de haver soluções, deixou de interessar divulgar.
Se não for antes, pelo menos daqui a dois pares de anos teremos o prazer de reencontrar “caras” antigas…
Em jeito de até breve, resta-me pedir, humildemente, com os olhos humedecidos, joelhos rasgados da expiação, a quem de direito, por favor, repito, por favor: levantem os olhos, aproveitem a vinda do Papa e retirem os abrigos pós-modernos a entrada da Igreja e da Capela de Requeixo.
Uma palavra de incentivo ao autor da proeza, só não consegue quem deixa de tentar.

Uns e outros não desistam
Cumprimentos

O lado positivo said...

Alguém é capaz de me fazer um favor.
Necessitava do contacto do “candidato a homicida”. Tenho uns animais de capoeira e agora que está a chegar o calor, estava a pensar guarda-los na arca congeladora.
Ganhava-mos os dois, eu ficava com a arca cheia e ele treinava, para não voltar a falhar…
Obrigado

Anónimo said...

Um episodio de ficção dessa pacata terra,
Já não se pode ser amigo,
Ia a pessoa X na lida da vida, encontra a pessoa Y, tagarela animadamente, repara que Y tem pousado em si uma mosca, na maior das boas intenções, eleva a mão e pimba…
Falta apenas referir:
1º - A mão levava consigo uma ferramenta agrícola (talvez uma sachola),
2ª - A mosca estava provocadoramente pousada no meio dos ombros de Y,
3º - X tinha deixado os óculos em casa.
4º - Por baixo da mosca nesse exacto momento estava a cabeça de Y (mas que pouca sorte esta se encontrar aí!)
Ao contrário do que passam pensar, felizmente nada aconteceu á mosca. Esqueceram-se que X tinha deixado os óculos em casa?
Quanto aos efeitos colaterais á apenas a lamentar uma ida de Y ao Hospital.
Fiquei sem saber se a mosca chegou a apresentar queixa por tentativa de agressão, mas como tem bom coração talvez perdoe.
Aviso: Qualquer semelhança com pessoas ou acontecimentos reais é pura coincidência.

Anónimo said...

Benfica,
Não é minha intenção tirar o mérite ao treinador do SLB, mas para quem apenas visse as imagens da entrega da taça, pela conquista do campeonato, (entregue pela 1º vez no fim do último jogo), dava a sensação que o feito foi apenas do treinador, este tentou ofuscar os seus próprios jogadores.
Não gostei, mas é normale, também não gostei que o Benfica tenha ganho o campeonato apesar de ser a coisa mais natural uma vez que foi a melhor equipa. Penso que nem teria sido necessário túneis ou os fretes da Liga.
É meu desejo apenas voltar a felicitar este vencedor e seus adeptos daqui a 5 anos, por isso desfrutem desta breve interruption, e não se acanhem de ano após ano me darem os parabéns, sempre que o Dragão ganhar.
Fico a aguardar
Dragãozinho

Anónimo said...

201.000.000,00€
Este é o valor que dizem que vale a nossa querida selecção de futebol, se a vendermos.
Isto sim era um serviço á Nação, vendíamos a selecção e evitávamos males maiores e até podemos dar como brinde o seu seleccionador.
Como consolo ficávamos com um Benfica praticamente inalterado para a próxima época, uma vez que apenas uma alma penada seria sacrificada…
Façamos um movimento intitulado: EU VENDO.

Anónimo said...

Então ninguém me dá os parabéns? O Porto não ganhou o titulo mais importante disputado esta época? Va-la, façam um pequeno sacrificio vão ver que não custa nada e ao mesmo tempo vão-se habituando. Não me digam que ainda estão ocupados com a festa do campeonato do ano passado. PROCURA-SE e dao-se alvíssaras a quem encontrar um clube para o Mantorras jogar. Dragãozinho

Anónimo said...

Ontem fiquei mais descansado, andava preocupado com o director desportivo do Benfica, ao tempo que não o via ou ouvia na comunicação social. Felizmente tudo esta bem, bastou as vedetas recomeçarem a jogar ou melhor a participarem em jogos, que logo o anjo protector deu sinal de si. Esta ressurreição, ao contrário do que alguns defendem, não é por os árbitros estarem a errar, é sim, por errarem contra os interesses do Benfica.
Façam o favor de falarem com os homens do sistema, pois o Benfica despromovido era o golpe final na auto-estima do país, era o que faltava para tornar-nos (finalmente) em mais uma província Espanhola.

Dragãozinho said...

Quando J. Jesus se arma em M. Machado,
Dadas as contrariedades impostas pela equipa adversária e após afinco desempenho dos meus pupilos, restou-nos apenas reconhecer a supremacia do doze contrário.
Não fosse o esférico tão indomado, o objectivo tão longínquo, o juiz não ter recebido a nossa antevisão do jogo e teríamos explanado um excelente espectáculo.
Em português cá do sítio: Não fosse os filhos da p*ta tão bons, a bola redonda, a baliza tão longe e o arbitro se ter enganado na equipa. Teríamos ganho o jogo.
Dragãozinho

Justino said...

Como eu gostava,

Gostava de poder acolher todos os ciganos agora expulsos de França e de todos os países.
Gostava de poder receber todos aqueles que necessitam de casa para viver.
Gostava de poder alimentar todos aqueles que não têm que comer.
Gostava de poder vestir todos os que têm frio.
Já mudei o vidro da minha varanda por 3 vezes, os putos como não conseguem acertar nos pássaros acertam no meu vidro. Os pais muito simpáticos dizem que me pagam quando receberem o aumento do subsídio.
O carro tem umas quantas amolgadelas que já desisti de arranjar, é preferido ao banco que se encontra mesmo ao lado, dizem que quando está frio e este ainda tem o motor quente, é mais cómodo. Não há problema quando receberem aumento do subsídio vão fazer uma colecta para mandar arranjar o carro.
Felizmente visto sempre roupa nova, pois quando a minha esposa a põem no arame a secar e para que eu não vista roupa usada, esta desaparece. Cruzo-me com ela na rua, mas faço de conta que não conheço, não vá a gentil pessoa que a ostenta ficar melindrada comigo. Entre vizinhos devemos preservar uma relação sã.
Quando tenho a felicidade de fazer o turno da manhã e saio as 5.00Horas, tenho que no dia anterior e antes de me deitar, sair a rua para deixar o carro num qualquer ponto inclinado. Da última vez que cai na asneira de por o carro a trabalhar a essa hora o meu amável vizinho, (acabado de chegar de uma qualquer grande superfície comprar um plasma de ultima geração), acordou mal disposto e resolveu experimentar se o meu espelho retrovisor era a prova de bala, infelizmente não era, agora tenho de virar a cabeça para traz para mudar de direcção, mas até é bom porque assim faço exercício físico.
No natal ofereci uma bicicleta usada ao meu filho, este ficou radiante, esqueci-me de lhe dizer que era para andar só em casa, experimentou a rua, agora é o filho de outro querido vizinho que a conduz, era mais necessitado coitado…
Ao contrário do que possam julgar os meus vizinhos não são ciganos, são Portugueses, Católicos praticantes de 1ª geração…
Venham os ciganos e vão, os meus vizinhos…
Justino

Anónimo said...

Morreu

Justino said...

Serão os nossos políticos da dimensão do País ou o País da dimensão dos políticos. Não deve existir um só político preocupado com a despesa adicional que artificialmente criaram e estão que estão a criar. Esta não aprovação do orçamento reflecte-se em juros e mais juros, quer para o estado quer para os privados, sejam eles empresas ou particulares. O estado financia-se a custo mais elevado, que todos teremos de pagar (todos excepto estes políticos que vivem principescamente à nossa custa, com rendimentos lícitos ou não), quanto aos privados que recorrem aos negociadores de crédito (bancos), esses além de sustentarem a divida pública, a classe política improdutiva terão de pagar ainda mais caro os seus empréstimos.
O momento singular que vivemos revela que pouco importa a esta gente os interesses do País, o essencial é ascender ao poder seja de que forma for e ao custo que for. Dificilmente poderíamos viver um momento tão revelador das intenções destes tristes protagonistas.
Pode ser que nas próximas horas, estes inúteis se tornem simples palhaços do circo do FMI.
Confesso que talvez seja a solução menos má, já que somos como as prostitutas, se não tivermos chulo nada feito.
P.S. Acautelem-se o festival da Euribor está a chegar…
Justino

Anónimo said...

Eis uma imagem que retrata bem o tempo em que vivemos.
Um jovem sofrendo de perturbações mentais, resolve invadir um infantário e tornar reféns professores e miúdos.
A novidade não é esta situação que infelizmente se vai repetindo. Novo, novo, é o indivíduo não levar consigo aquilo que lhe faz falta. Lembra a alguém pedir á policia uma arma para se suicidar?
Será que em França a sabedoria popular não diz: “ Quem vai para o mar avia-se em terra.”
Estes putos e pitas julgam que a realidade é Morangos com Açúcar?
Porque não pediu o Pai Natal?

Anónimo said...

Foi uma grande coisa esta nova junta ter ganho as eleções com a intenção de dar mais vida á freguesia.

Mas um ano depois, nem a cara quer dar ao povo que a elegeu.

Que grande desilusão.

Anónimo said...

2010
Com a chegada do fim do ano, como é habitual é hora de fazer contas á vida. Pensamos no que fizemos de bom no ano que agora finda, no que deixamos por fazer ou dizer, e o que mais importa no que vamos alterar, para que no próximo ano aquando desta tarefa, não seja uma hora de sofrimento.
Antes de mais tenho de revelar que a minha opinião pode estar errada (agradeço a quem me possa esclarecer, mas descobrir o Brasil e não o publicitar é o memo que não o descobrir), devido a minha percepção ser de quem observa os factos a partir do exterior e apenas poder observar o que realmente foi feito e não ter acesso a intenções ou boas vontades. Mas não são intenções e boas vontades que esperamos dos nossos eleitos.
1 – Acção social
Apoiar as famílias/pessoas mais carenciadas da Freguesia – Desconheço
Requalificação do edifício da escola EB1 em centro de dia – por fazer
Apoiar os alunos mais carenciados na aquisição de material escolar e didáctico – Desconheço
Apoio e colaboração com fábrica da Igreja, escuteiros e Grupo Coral – Desconheço
Promoção de um passeio/convívio, todos os anos, aberto a toda a população – por fazer

2 – Ambiente
Melhoramento da rede de abastecimento de agua ao domicilio – por fazer
Fornecimento de agua a todos os fontanários e tanques públicos – por fazer
Requalificação de todas as fontes publicas e recuperar a Fonte Nova, junto à sede da junta de Freguesia – por fazer
Limpeza e manutenção contínuas de todos os caminhos vicinais – em execução
Encontrar uma nova localização/solução para os ecopontos no lugar do Outeiro – por fazer
3 – Rede viária
Pavimentação do caminho do lugar do Cabo ao lugar do Castro – por fazer
Alargamento e pavimentação do caminho Martim Joana – por fazer
Alargamento e pavimentação do caminho do lugar do Penedo Mogo a Fijô – por fazer
Repavimentação do caminho do lugar das Antas aos lugares da Corredoura e Lages – por fazer
Repavimentação do caminho desde o Laranjal ao lugar do Penedo Mogo – por fazer
Repavimentação do caminho do lugar do Castro – por fazer
Repavimentação do caminho do lugar de Reboreda (de baixo) – por fazer
Repavimentação do caminho do largo da corredora ao lugar da Reboreda – por fazer
4 – Juventude e desporto
Criação de um posto público de internet – Desconheço
Construção de um polidesportivo e área de lazer – por fazer
5 – Obras públicas
Construção da capela Mortuária, já temos projecto – por fazer
Requalificação da envolvente e adro da Igreja. Já temos Projecto – por fazer
Requalificação do edifício da antiga escola – por fazer
Reforçar a rede de iluminação pública – por fazer
Execução da toponímia – por fazer
6 – Cultura
Trazer de volta o Pelourinho de São João de Rei. Já localizamos todos os elementos que o constituem – por fazer
7 – Organização interna
Alargamento do horário de atendimento ao publico – duas vezes por semana – em execução
Criar condições na sede da junta para o atendimento personalizado, apoio no preenchimento de documentos vários (ex. Processos de regularização dos poços, furos, minas, nascentes e fossas) – em execução
Actualização permanente dos conteúdos da pagina da INTERNET da Freguesia – por fazer
Representar a Freguesia em todas as Assembleias Municipais e eventos Concelhios – em execução.
Conclusão:
O próximo ano pode ser um bom ano para esta freguesia, uma vez que coisas para fazer não faltam.
Os meus votos de um ano de 2011 que consiga fazer esquecer 2010 ou na sua falta será necessário começar a pensar noutras soluções.

Anónimo said...

2010
Com a chegada do fim do ano, como é habitual é hora de fazer contas á vida. Pensamos no que fizemos de bom no ano que agora finda, no que deixamos por fazer ou dizer, e o que mais importa no que vamos alterar, para que no próximo ano aquando desta tarefa, não seja uma hora de sofrimento.
Antes de mais tenho de revelar que a minha opinião pode estar errada (agradeço a quem me possa esclarecer, mas descobrir o Brasil e não o publicitar é o memo que não o descobrir), devido a minha percepção ser de quem observa os factos a partir do exterior e apenas poder observar o que realmente foi feito e não ter acesso a intenções ou boas vontades. Mas não são intenções e boas vontades que esperamos dos nossos eleitos.
1 – Acção social
Apoiar as famílias/pessoas mais carenciadas da Freguesia – Desconheço
Requalificação do edifício da escola EB1 em centro de dia – por fazer
Apoiar os alunos mais carenciados na aquisição de material escolar e didáctico – Desconheço
Apoio e colaboração com fábrica da Igreja, escuteiros e Grupo Coral – Desconheço
Promoção de um passeio/convívio, todos os anos, aberto a toda a população – por fazer

2 – Ambiente
Melhoramento da rede de abastecimento de agua ao domicilio – por fazer
Fornecimento de agua a todos os fontanários e tanques públicos – por fazer
Requalificação de todas as fontes publicas e recuperar a Fonte Nova, junto à sede da junta de Freguesia – por fazer
Limpeza e manutenção contínuas de todos os caminhos vicinais – em execução
Encontrar uma nova localização/solução para os ecopontos no lugar do Outeiro – por fazer
3 – Rede viária
Pavimentação do caminho do lugar do Cabo ao lugar do Castro – por fazer
Alargamento e pavimentação do caminho Martim Joana – por fazer
Alargamento e pavimentação do caminho do lugar do Penedo Mogo a Fijô – por fazer
Repavimentação do caminho do lugar das Antas aos lugares da Corredoura e Lages – por fazer
Repavimentação do caminho desde o Laranjal ao lugar do Penedo Mogo – por fazer
Repavimentação do caminho do lugar do Castro – por fazer
Repavimentação do caminho do lugar de Reboreda (de baixo) – por fazer
Repavimentação do caminho do largo da corredora ao lugar da Reboreda – por fazer
4 – Juventude e desporto
Criação de um posto público de internet – Desconheço
Construção de um polidesportivo e área de lazer – por fazer
5 – Obras públicas
Construção da capela Mortuária, já temos projecto – por fazer
Requalificação da envolvente e adro da Igreja. Já temos Projecto – por fazer
Requalificação do edifício da antiga escola – por fazer
Reforçar a rede de iluminação pública – por fazer
Execução da toponímia – por fazer
6 – Cultura
Trazer de volta o Pelourinho de São João de Rei. Já localizamos todos os elementos que o constituem – por fazer
7 – Organização interna
Alargamento do horário de atendimento ao publico – duas vezes por semana – em execução
Criar condições na sede da junta para o atendimento personalizado, apoio no preenchimento de documentos vários (ex. Processos de regularização dos poços, furos, minas, nascentes e fossas) – em execução
Actualização permanente dos conteúdos da pagina da INTERNET da Freguesia – por fazer
Representar a Freguesia em todas as Assembleias Municipais e eventos Concelhios – em execução.
Conclusão:
O próximo ano pode ser um bom ano para esta freguesia, uma vez que coisas para fazer não faltam.
Os meus votos de um ano de 2011 que consiga fazer esquecer 2010 ou na sua falta será necessário começar a pensar noutras soluções.

Anónimo said...

Direcção - Gerês
Passei recentemente pela terra onde nasci na primeira metade do século passado. Já por lá não passava talvez a uma década ou mesmo mais. Como tinha a tarde livre, pois já não iria ao Gerês devido as mas condições climatéricas, resolvi fazer um pequeno exercício. Vou tentar descobrir diferenças entre esse tempo (a 10 anos) e hoje.
Posso desde logo começar por esta estrada em alcatrão, sinais dos tempos… Não está mal mas é pena não se ter aproveitado para alargar um pouco, ou pelo menos, retirar as árvores que invadem a estrada.
Passei pela antiga escola primária e senti um aperto no peito quando vi que o telhado tinha desabado, este edifício faz parte da minha vida e foi parte do meu passado que desabou com aquele telhado.
Por falar em escolas passei pela nova escola primária, que já não é, passou a ser um centro de convívio para os mais idosos, apenas um aparte, com umas riscas brancas não ficava pior.
Aproveitei e fui ao monte onde aprendi a jogar ao botão e onde comecei a cegar com o brilho da cidade. Encontrei lá muito lixo, mas este já existia a 10 anos… A paisagem tem-se alterado com as plantações de eucaliptos, mas haverá algum plano de ordenamento florestal ou é atirar para a terra a ver o que dá. O mais certo é dar um grande incêndio, mas se Deus quiser nada irá acontecer, a que ter fé.
Já era tarde e o dia convidava a estar junto à lareira, dei por encerrada a minha caminhada e conclui que afinal em 10 anos pouca coisa tinha mudado.
Aproveito para agradecer a todos aqueles que ainda me reconheceram e fizeram questão de me cumprimentar, outros houve que ficaram um pouco assustados…
Até a próxima

Álvaro said...

Natal
Agora que os gritos dos homens se calaram, neste gélido prado pintado de vermelho, que um dia foi terra de homens valentes, destemidos aventureiros e guardiões da moral (Portugal), corpos foram volvidos, lama foi remexida, abatidos os feridos que não podíamos transportar, amontoaram os corpos; se dos nossos, alinhados se dos deles de qualquer forma. Pelo menos tivemos o mérito de tentar juntar os bocados como se de um jogo se tratasse, uns porque a perna era do mesmo tamanho, outros porque as roupas se assemelhavam.
Bom Natal